Boa Cerveja-Feira #305… Zalaz e Japas

By | 4 de janeiro de 2020

Chegamos em 2020 e vamos para a primeira coluna deste ano mudando um pouco a abordagem da coluna, começando com a Zalaz e Japas.

Esta cerveja é produzida em uma parceria entre a cervejaria Zalaz e a cervejaria Japas, para o projeto da Fazendo ao Copo 2019. Neste caso, uma Sour com Hibisco e Pitaya, e com a acidificação feita com natto de feijão.

Depois de alguns anos falando sobre as cervejas, cervejarias e estilos, resolvi tratar de alguns outros temas nesta coluna. Vamos continuar apresentando uma cerveja por semana, mas vamos trazer outros temas nesta coluna semanal.

Vamos começar este ano indicando alguns outros podcasts, e vamos indicar nesta coluna o podcast Papo Delas.  Este podcast é apresentado pela Cafeína e Patsy, na grande maioria das vezes com um convidado para tratar de um tema específico, sempre tratado com humor um tanto ácido, similar a esta cerveja.  Vou indicar dois programas que achei muito bons:

Programa 22: Autossabotagem com Mayara Santos

Programa 25: Naquela Época 1982 com Eubalena


Zalaz e Japas

Zalaz e JapasDados Técnicos:

Cerveja: Zalaz e Japas
Estilo: Sour Ale
Teor: 4,5 %
País de origem: Brasil
Embalagem: 500 ml
Nota: 3,50


A Zalaz e Japas apresenta uma cor vermelha intensa, cristalina e brilhante. A espuma rosada tem boa formação, uniforme, mas com duração breve.

No aroma praticamente não sentimos notas de acidez, mas temos uma presença floral e frutada muito agradável, trazendo aroma de pitaya e brunha. Em segundo plano um toque rústico com memória herbal e um toque daquele aroma de pós chuva e terra molhada.

Ao provarmos encontramos uma cerveja de corpo baixo e média carbonatação. Enquanto que no paladar temos um início frutado e floral delicado, trazendo a percepção de hibisco em primeiro plano e em segundo plano o frutado de pitaya. A acidez surge em destaque no paladar com notas muito distintas e difíceis de serem comparadas, talvez pelo uso de natto de feijão para gerar a acidificação.

O aftertaste é pautado pelas notas acidificadas e florais, trazendo o hibisco em destaque e acidez persistente e limpa.

A Zalaz e Japas é uma cerveja com notas distintas, acredito que pelas matérias primas usadas, principalmente para gerar a acidificação. Marcada pelo floral agradável e acidez mediana, agradável e ousada.


Talvez esta seja uma cerveja com o melhor uso de hibisco que já provei, traz a presença floral em destaque e sem se tornar enjoativa. Então pautei a escolha da harmonização neste aspecto da cerveja.

Minha sugestão é harmonizarmos a Zalaz e Japas com arroz da cuxá. Este prato é feito com arroz, flor de hibisco, camarão seco, gergelim e pimenta de cheiro. Iremos buscar a semelhança no uso do hibisco tanto na cerveja quanto no prato.

Prost!

Fabrizio Guzzon

2 thoughts on “Boa Cerveja-Feira #305… Zalaz e Japas

  1. Cafeína

    Own que bacana e honra ter a indicação do Papo Delas nesta coluna, Fabrizio 😉 Muito Obrigada!

    Sobre essas cervejas tenho experimentado bem no último ano e confesso que essas “Sour” não são minhas favoritas exatamente por achar enjoativas (coisa que vc deixou claro que esta não é). Encaro como boas num dia de vontade de ” bons drinks” haha. Mas as cores e como são feitas são fascinantes né? Fora que tem hibisco então posso usar de desculpa que “emagrece né” hahahah

    bjins a ti e a todos do BeerCast, que 2020 seja indolor e próspero. Coragem, força e cerveja sempre!

    Reply
    1. Fabrizio Guzzon Post author

      Cafeina,

      Sim essa tem o hibisco muito presente… rsrs, pode falar que é “funcional”… rsrs

      E se eu pretendo dar indicações de podcasts, nada mais justo do que começar com o Papo Delas. Que com exceção do Beercast foi o podcast que mais acompanhei e interagi em 2019

      Abç
      Guzzon

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.