Episódio dos Patronos 2017 – Beercast #240

By | 27 de dezembro de 2017
Episódio dos Patronos 2017 – Beercast #240

Episódio dos Patronos 2017 – Beercast #240

Para o episódio de hoje, um papo cervejeiro com os nossos patronos de 2017.

Confira como foi esse bate-papo.

Links Comentados durante o episódio:

BeerGifts

Download

Trilha Sonora

  • Dio – We Rock
  • Dio – The Last In Line
  • Dio – One Night In The City
  • Pink Floyd – Dogs
  • Pink Floyd – Pigs (Three Different Ones)

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (42:32 de duração)
Avalie abaixo quantas tampinhas esta cerveja merece.

5 thoughts on “Episódio dos Patronos 2017 – Beercast #240

  1. Fabrizio Guzzon

    Salve Galera

    Muito bacana o programa, achei uma ótima ideia juntar toda a galera envolvida no Beercast para fazer um programa, infelizmente eu estava completamente embriagado no churrasco da minha área… rsrsrsrs

    Agora quero ir gravar mais um programa com vocês para pegar meus mimos… rsrsrs….

    Abç
    Guzzon

    Reply
  2. Daniel Córdova

    Grandes beercasters!
    Dei risada na hora do mortal pra trás. Controle de temperatura na mosturação não é tão crítico. Vai sair mosto de qualquer jeito dali e é só ir se ajustando nas próximas brassagens. Se tiver algum tipo de cuidado com o pH da mosturação, aí é ouro!
    Dou mortal pra trás quando não há controle de temperatura de fermentação. Aí é complicado, mas tem gente que consegue fazer coisa boa mesmo assim. Eu não gosto de arristar.
    Mesmo assim, um amigo mais entendido e experiente deu a dica e estou seguindo: minhas Saison são fermentadas sem qualquer tipo de controle, em temperatura ambiente mesmo, e tem funcionado legal. Levedura de saison só não come a parede do fermentador por pouco.

    Esses dias fiz uma vienna lager aqui também, ficou legal. Acho que malte viena dá pra usar em diversos outros estilos. Dividir 1/2 com malte pilsen/pale e fazer uma APA/IPA, bolar uma receita legal de Bock, até numa Märzen, Dunkel, Flanders Red/Brown.

    Abraço!

    Reply
    1. Anselmo Mendo

      Preciosas dicas, Daniel! Tu precisa vir de novo pra cá pra fazermos um Especial do For Dummies. E suas Sours, também faz como as Saisons quanto a temperatura? Abração!

      Reply
      1. Daniel Córdova

        Anselmo,
        As sours eu fermento com controle de temperatura por umas duas semanas, depois levo lá pra casa do meu pai (200km de viagem) e deixo debaixo da escada da casa dele, onde é escuro e a temperatura varia pouco diariamente.
        É um experimento, queria não precisar levar até lá, mas assim pelo menos não fico querendo tirar provinhas delas =P

        Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*