Cervejas Rauchbiers e Charutos – Beercast #165

By | 6 de julho de 2016
Cervejas Rauchbiers e Charutos – Beercast #165

Cervejas Rauchbiers e Charutos – Beercast #165

Hoje o Beercast esta totalmente proibido para menores, vamos falar de cervejas rauchbiers e charutos.

Confira como foi esse bate-papo.

Cerveja Aecht Schlenkerla Rauchbier Marzen

Cervejaria: Brauerei Heller-Trum
Estilo: Rauchbier
Álcool (%): 5.1% ABV
Temperatura: 5-7 °C
Copo Ideal: Pint

Confira a nota dos Beerquesteiros para a Cerveja do episódio:

Cerveja Aecht Schlenkerla Rauchbier Urbock

Cervejaria: Brauerei Heller-Trum
Estilo: Rauchbier
Álcool (%): 6.5% ABV
Temperatura: 8-12 °C
Copo Ideal: Pint

Confira a nota dos Beerquesteiros para a Cerveja do episódio:

Comentados durante o episódio:

BeerGifts

Download

Trilha Sonora

  • Buena Vista Social Club – Chan Chan
  • Buena Vista Social Club – De Camino a la Vereda
  • Buena Vista Social Club – El Cuarto de Tula
  • Buena Vista Social Club – Pueblo Nuevo
  • Buena Vista Social Club – Dos Gardenias
  • Buena Vista Social Club – ¿Y Tú Qué Has Hecho-
  • Buena Vista Social Club – Veinte Anos
  • Buena Vista Social Club – El Carretero
  • Buena Vista Social Club – Candela
  • Buena Vista Social Club – Amor de Loca Juventud
  • Buena Vista Social Club – Orgullecida
  • Buena Vista Social Club – Murmullo
  • Buena Vista Social Club – Buena Vista Social Club

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (48:43 de duração)
Avalie abaixo quantas tampinhas esta cerveja merece.

27 thoughts on “Cervejas Rauchbiers e Charutos – Beercast #165

  1. Allan George

    Este epsódio me inspirou a ir atrás desse assunto meio polêmico, tabaco, acabei comprando um Cohiba que foi devidamente apreciado com uma boa american blonde ale, feita por mim, e uma cachaça Carvalheira. Gostei bastante da experiência, agradeço a vocês por isso!

    Reply
  2. Haifang

    E aí gurizada.
    Meu nome é Haifang, moro em Joinville-SC.
    Já ouço os programas a um tempão e nunca escrevi nada por aqui. Baixei dezenas de programas e fico ouvindo durante o trabalho no meu fone de ouvido, muitas vezes rindo sozinho enquanto o pessoal me olha estranho.
    O programa é ótimo mas dessa vez não pude deixar passar uma coisa:
    Ninguém é obrigado a saber falar alemão, e deslizes na pronuncia são perfeitamente aceitáveis… mas poxa, pelo menos o nome do estilo né! É Rauchbier, e não Rauschbier como foi repetido diversas vezes. Ao invés do som de X, coloque um som de RR no lugar do ch.
    Rauch= Fumaça, Rausch= intoxicaçao, é aqui que mora a treta.

    Valeeu!

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Fala Haifang,

      Obrigado pela correção. E desculpa aê.

      Deve ter uma centena (ou mais) de palavras e frases que a gente pronuncia erradíssimo. Eu, particularmente, gosto de tentar falar as palavras corretamente. Mas é difícil. Porque eu faço a pesquisa da palavra somente quando ela me parece impossível de ser pronunciada. Vc deve falar alemão, mas para mim que não falo nunca iria imaginar que o “CH” do “RAUCH” se lê como “RR”. Só entendi realmente a sua explicação quando coloquei no Google translator.
      Entendi o seu incômodo. Porque mantida a pronúncia no episódio estaríamos falando de uma cerveja de intoxicação.
      Mas já vai nos perdoando porque deve voltar a acontecer outras vezes com essa palavra e outras. Eu vou esquecer e vou voltar a falar o “CH” como “SCH”… hahaha… Mals.

      Eu falo um pouco de japonês. E há palavras incorporadas no vocabulário no Brasil que também estão (pelo menos aos falantes de japonês) bastante erradas tb. Tipo:
      O pessoal fala a palavra “Tsunami” separando a letra “T” do restante da palavra. Assim: “Ti-ssumani”.
      Dói no ouvido. Porque a palavra é uma só “tsunami” tudo junto, como no sobrenome do mesa-tenista “Gustavo TSUboi”.
      Acho que não é tão grave como o caso que vc apontou (e que muda o sentido da palavra).
      Mas acontece e é normal.
      Apesar de gostar de inglês tb, até hoje não sei direito a diferença fonética de Beach (praia) e Bitch (cadela/prostituta). Vc sabe?

      Abração!

      Reply
      1. Haifang

        Haha, realmente. Beach e bitch fica difícil distinguir.

        Nossa, que legal que vc fala japones. Eu ouvi em alguns programas vcs falando do molho Shoyu , com uma pronuncia bem diferente da que estamos acostumados (abrasileiramos a palavra) é o mesmo caso da Rauch.

        Eu falo um pouco de alemão sim (estudo ha uns 6 anos), e logo na primeira aula o que a gente aprende é o alfabeto e em seguida a pronuncia das silabas “especiais”: Sch, ch, st, sp, eu, oe, ae, etc…
        Como eu falei, nao é obrigaçao de ninguem saber disso. Só que dependendo o caso pode acabar mudando o sentido da palavra, acredito que no japonês tb acontece isso.

        Grande abraço, continuem com esses programas fantasticos. Me divirto muito ouvindo, e sempre acabo com vontade de tomar uma no meio do expediente.
        Prost!

        Reply
        1. Ricardo Shimoishi

          Boa Haifang!

          Eu admiro demais a Alemanha. Não só pela cerveja, mas pelo perfeccionismo que buscam em tudo o que fazem. Meus filhos estudam em escola alemã.
          Realmente acontece das pronúncias erradas levar a entendimento diverso, mas não fica bravo não. Eu só acho engraçado… hehe..
          Obrigado pelas palavras de incentivo, mesmo errando acredite que estamos tentando fazer o nosso melhor.

          Forte Abraço!
          Kampai!

          Reply
  3. Flavio Yokooji

    Dos gardenias para ti! Vocês me lembraram que não havia baixado as músicas do Buena Vista Social Club no meu Spotify! Rs
    Faz muito tempo que não bebo essa rauchbier. Preciso resolver esse problema logo!
    Quanto ao charuto, acho legal pra caramba. No Cateto eles estão fazendo degustações todas as segundas. Não participo, pois já tenho muito hobbie que consome tempo e dinheiro! Rs.

    Reply
  4. Fabrizio Guzzon

    Salve galera,

    Foi muito legal gravar este programa com vocês, ótimas cervejas e ótimos charutos.
    Mas ficou claro para mim que harmonizar cerveja com charuto eh coisa para uma única garrafa, pois o charuto afetou mesmo nossa percepção. Vou procurar novamente a urbock para poder provar.

    Abç
    Guzzon

    Reply
  5. André Novgorodcev

    Só tomei a breja defumada que foi a Eisenbahn Rauchbier. No fia achei meio estranha, parecia peito de peru defumado. Mas me interessei agora por provar uma com base de trigo defumada, armonizando com queijo, praticamente um misto. Kkkkk
    Brincadeiras a parte preciso provar de novo o estilo pra ver se mei paladar mudou ao longo dos anos.
    Mas não me vem com charutos, que eu nao curto. E muito menos com breja cubana, que são umas Me…
    Abraços

    Reply
    1. Renato Martins

      André, vale a pena tentar novamente, nosso gosto vai mudando… Eu não me lembro da Rauch da Eisenban, mas aaaacho que não deva chagr nem perto das Schlenkerla… Hehe

      Reply
  6. Afonso

    Ótimo Podcast,

    Eu bebi essa cerveja quando comecei a beber cervejas artesanais é odiei no momento hehe, mas hj em dia estou gostando muito de cervejas levemente defumado, como ipa smoker , barley wine… Tenho que experimentar de novo essa cerveja para vê se meu paladar mudou hehe

    Sobre defumação de malte, me lembra um pouco da historia da turfa para defumar o malte de whisky . Os whisky mais conhecidos com tufa são ardberg e laphroaig. Estou querendo experimentar um dia eles hehe

    Sobre defumação de carne, é um pouco diferente das churrasqueira de bafo padrão, onde o fogo fica diretamente na carne.
    um exemplo de churrasqueira é essa que o carvão não fica diretamente na carne, assim mantendo uma temperatura menor e muita fumaça na região
    http://barbecuebible.com/wp-content/uploads/2014/07/offset-smoker-briskets.jpg
    Nos estados unido tem ate uns modelos semi-elétrico

    Reply
  7. Luquita da Cerveja

    Fala galera, olha só o programa inovou novamente e acho até uma brecha no mundo do podcast, pois tem nenhum falando de Charuto, poderia ser legal tb.

    Acho charuto bem interessante, não tenho muito conhecimento mas um dia ainda terei. Aqui em SP que atualmente está em alta a harmonização de charutos com cerveja, o Cateto em Pinheiros criou até um clube para essa prática.

    Falando em cerveja defumada, essa do programa merce nota 5 pq é referência no estilo… oooo coisa boa!

    Semana passada tomei a EXquadrilha da Fumaça, da Bamberg, num canecão de 500ml e acompanhando um Pene ao molho de calabresa. Ficou show de bola, dava uma equilibrada fantástica.

    Enfim, eu queria ter participado dessa gravação rs…

    Um abraço!

    Reply
    1. Afonso

      Dei uma olhada pela internet sobre esse bar “Cateto” achei bem legal, próximo mês vou para SP darei uma visita, mesmo que não irei fumar um charuto hehe.
      Se vc tive alguma dica de lugar para harmonização com cervejas em sp, me avisa

      Reply
      1. Luquita da Cerveja

        Afonso, a experiência de harmonização do Cateto é uma das melhores. Ali por perto tem a Hamburgueria Meats, sensacional para comer.

        Agora outros lugares que tem um menu harmonizado não to lembrado mas vou pensar e te aviso.

        Reply
  8. Anderson Onir

    Dae Galera!

    Diferente da maioria que é trazido ao mundo das cervejas artesanais pela Hefeweizen comigo foi a pela Eisenbahn Rauchbier.
    Essa Rauchbier me agradou muito, e despertou a curiosidade que iniciou a minha exploração cervejeira.

    Parabéns pelo episódio ao Anselmo, Gustavo, Renato, Ricardo e Fabrizio como sempre o Beercast nos alimentando com informações cervejeiras de qualidade

    Abraços
    Anderson Onir
    Porto Alegre – RS

    Reply
  9. Daniel Córdova

    Fala pessoal!
    Estou com uns charutinhos faz mais de ano lá em casa pra harmonizar com alguma cerveja mas sempre nos esquecemos de fumá-los.
    Acho as cervejas defumadas bem legais e tenho a impressão que cada vez mais veremos lançamentos desses estilos no mercado. Aqui em Floripa a cervejaria Sambaqui recentemente lançou a Marinha da Lenha e curti bastante ela.
    No festival da cerveja provei a da Barco e estava sensacional também. Agora estou atrás da rauch da Bamberg, quem sabe eu aproveite os charutinhos dessa vez.
    Sobre essas duas Schlenkerla não tem nem o que dizer. São clássicas e sensacionais. Já vi mais 2 tipos diferentes deles pra vender e provei uma bem clara deles em que o defumado é mais sutil, boa pra iniciar alguém.
    É isso aí, ótimo programa, o Guzzon mostrou que tem futuro também com charutos.
    Abraço!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*