Cerveja Wells Banana Bread – Beercast #77

By | 29 de outubro de 2014
Cerveja Wells Banana Bread – Beercast #77

Cerveja Wells Banana Bread – Beercast #77

Hoje nós vamos falar de uma cerveja que todo mundo já viu na prateleira, mas nem sempre teve coragem de levar pra casa. Uma cerveja que tem banana até no rótulo.

Confira neste episódio algumas curiosidades sobre bananas e o que nos fez lembrar de algumas coisas gostosas da infância!

Cerveja Wells Banana Bread

Cervejaria: Wells & Youngs
Estilo: Fruit Beer
Álcool (%): 5.2% ABV
Temperatura: 0-4 °C
Copo Ideal: Pint
Preço Varejo: R$12,90 (500ml)

Links comentados durante o episódio:

Confira a nota dos Beerquesteiros para a Cerveja do episódio:

Links comentados BeerNews e leitura de emails:

BeerGifts

Download

Trilha Sonora

  • Gorillaz – Feel Good Inc.
  • Gorillaz – Last Living Souls
  • Gorillaz – Kids with Guns
  • Gorillaz – O Green World
  • Gorillaz – Dirty Harry
  • Gorillaz – El Mañana
  • Gorillaz – Every Planet We Reach Is Dead
  • Gorillaz – November Has Come
  • Gorillaz – All Alone
  • Gorillaz – White Light
  • Gorillaz – DARE
  • Gorillaz – Fire Coming Out of the Monkey’s Head
  • Gorillaz – Demon Days

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (43:50 de duração)

Avalie abaixo quantas tampinhas esta cerveja merece.

29 thoughts on “Cerveja Wells Banana Bread – Beercast #77

  1. Walter Simões Júnior

    Fala Galera BeerCast.

    Fiquei muito feliz de vocês terem comentado sobre o meu e-mail e sobre a CERVISIA (que vem do latin, cerevisiae = cerveja…rsssssssssssss).

    Sobre a Copa Cervezas de América (como um pan americano cervejeiro), vocês podem acessar maiores informações em http://www.copacervezasdeamerica.com/

    Em breve, vamos tomar essa WITBIER da Cuesta aí com vocês.
    Ah, caso não tenham comprado o copo da Hoegaarden, recomendo comprar diretamente do site da AMBEV pelo valor de R$ 12,90 (com nome gravado…kkkkkkk).
    Endereço http://emporio.submarino.com.br/

    Um grande abraço e ótimas cervejas.

    Reply
  2. Julio Oliveira

    Fala galera!!!

    Como um velho espectador me senti mais velho ainda relembrando de vários games, jingles etc. Tudo isso relembrou (reMETEU para o Gu…rsrsrs) momentos muito bons na minha vida….

    Eu já acho estranho demais as fruit beer, principalmente quando o aroma e sabor são muito realçados. Bem…sei que tenho que experimentar mais cervejas desse estilo, quem sabe encontro alguma mais equilibrada. As cítricas ainda me agradam mais, mas……

    Para os menos desavisados, as cervejas mais classicas como a Weiss, tem em seu aroma notas de banana, mas não recebem a fruta. Essa nota de banana é um subproduto da fermentação , os éteres. Esses tais ésteres dependem do tipo de levedura, temperatura, quantidade de leveduras, etc, e basicamente são a associação de acidos com alcoois . Acetato de isoamila é o nome do éter que dá á cerveja a nota de banana.

    Um forte abraço

    Reply
  3. Diogo carioca

    Kkkk então definitivamente não sou o único q vejo essa cerveja há anos no mercado e nunca teve coragem de comprar 🙂 agora depois do episódio, bubaloo de banana, é q não compro mesmo hehehe

    Na moral fiquei muito curioso com o comportamento do nosso amigo de beber sempre as duas mesmas cervejas e experimentar só na terceira. Até entendo q a pessoa arriscar um estilo diferente pode ser arriscado, mas agora se vc já conhece e gosta do estilo na qual a cerveja está enquadrado, não tem porque não experimentar! Pelo menos é assim q eu vejo e, particularmente, tenho muita dificuldade em repetir a mesma cerveja, fico com a sensação q estou perdendo uma chance de ampliar meus horizontes cervejeiros ao deixar de conhecer uma nova receita :))

    Grande abraço,

    Parabéns mais uma vez!

    Reply
  4. Luiz Felipe Maia

    fala galera! depois desse episódio recheado de trocadilhos e piadas de duplo sentido. vamos aos comentários

    a descrição do episódio resume muito bem o meu preconceito em relação a essa cerveja, sempre prefiro levar outros rótulos a ela. Já bebi a fruit beer de banana da mongozo (que é bubaloo banana espremido na garrafa) e não foi uma boa experiência, embora tenha se tornado uma das favoritas da minha esposa. Vou comprar uma Banana Bread para degustar em família.

    Também tenho um SNES que funciona até hoje, mas meu jogo favorito ainda é Street Fighter 2. Tinha sido meu último video game até o PS3, que só comprei quando já estava financeiramente independente.

    Para finalizar deixo uma sugestão que deveria estar no outro episódio, mas acabei perdendo o timing. Uma boa pedida seria fazer um episódio da série 3 Lobos da Backer. As 4 cervejas são excelentes, sendo que a IPA e a American Pilsen estão sempre na “porta da minha geladeira”. Para mim é o melhor custo/benefício do mercado (em torno de R$6 – 330ml)

    Reply
    1. Renato Martins

      Boa Luiz!

      Olha, as brejas da Backer são foda! Gosto bastante, principalmente da Brown Ale que eles tem.

      Acho que essa dica ai tem que acontecer em breve!!!

      Abração!

      Reply
  5. Daniel Córdova

    Fala pessoal!
    Faz um tempo já que tomei essa cerveja, tanto que na época acho que o formato da garrafa era outro. Lembro que gostei dela. Inclusive comprei pra sentir mesmo os aromas de banana, já que nas Weiss tenho dificuldade de distinguir (acho que meu nariz é zuado hehe).
    Não sabia que a Young’s e a Wells eram a mesma cervejaria. Por que será que tem cerveja com uma marca e outras com a outra?
    Legal o programa e gostei do sorteio. A filha do Ricardo mandou muito bem.
    Gustavo, to com um SNES aqui também. Quando era mais novo meu pai deu embora um Natal (ele sempre dava nossos brinquedos pras faxineiras da empresa – um gesto bonito, mas perdemos várias coisas legais). Agora no início do ano comprei outro aí na Sta Ifigênia e tenho International Superstar Soccer Deluxe, Mario Kart, Super Mario, Samurai Shodown, Mortal Kombat Ultimate 3 e Killer Instinct (da fita preta). Estou atrás de Zelda e de Chrono Trigger (esse é impossível de achar).
    Vamos jogar uma online… não pera… deixa pra lá hehehe
    Abraço!

    Reply
    1. Gustavo Passi Post author

      Daniel,

      Essa breja de banana é uma das minhas preferidas e ainda bem que consegui fazer o Anselmo e Renato darem uma atenção especial pro mundo dos macacos.

      Você só tem jogão, eu sou viciado em Mário Kart, quando meu irmão aparece em casa é treta mesmo pra ganhar em primeiro.

      Chrono Trigger é foda mesmo, você só vai conseguir comprar pelo ebay na gringa (vale a pena!).

      Já falei pro Tchê fazer uma noite especial da nintendo no bar com alguns consoles pro pessoal jogar, vamos ver se vai rolar!!! rs

      Abração e Saúde!

      Reply
  6. Fabrizio Guzzon

    Salve galera!
    Muito bom o programa! apesar da sensação de deja vu que tive quando ouvi….
    Sobre o estilo da cerveja, algumas fontes indicam que é uam fruit beer outras indicam que é uma Strong Ale com adição de banana. Porem, quando olhamos as descrições de estilos tendo como base o BJCP não tem um estilo de strong ale inglesa onde a Banana Bread se encaixa. Ela entraria muito melhor inserida, mesmo com o aroma de banana sobrepujando algumas outras notas, como Fruit Beer.
    E sobre video games… o único video game que tive quando era criança foi um atari, com duas fitas, eu sou do tempo que se alugava fita de Atari para jogar em casa, ou “trocava” por um tempo com o vizinho…. mas agora tenho um Wii encostado em casa, que só uso para jogar WWE.
    Abç
    Guzzon

    Reply
  7. Luís Loureiro

    O texto do post disse exatamente o meu sentimento, já vi, e nunca tive coragem de levar pra casa!
    Vamos ver depois de ouvir se ela vai pra minha prateleira ou continua na do supermercado!

    Ps.: Acho que tá na hora de seguir exemplo dos gordinhos nerds e aumentar o tamanho dessas camisetas aí! O Jabba aqui não cabe nas suas não! uahuahau

    Reply
  8. Vinicius Rodrigues

    Fala galera.

    Tomei essa cerveja faz um tempo, realmente nada magnífico. Acho que mais que o rótulo não atrair, pq a ideia de cerveja com banana da uma curiosidade, rola um preconceito. “Pô, até tô curioso, mas… Cerveja de banana?”

    Sobre brincar na rua… Não dá pra esquecer aqueles chutes descalço no asfalto, o tampão do dedão indo pro saco e o sangue jorrando feliz. Saudades infância

    Parabéns pelo programa, Abração.

    Reply
    1. Renato Martins

      Valeu Vinicius, a gente pode marcar o próximo HH da confraria numa rua que de pra gente jogar bola na rua… hahaha será que é o perfil da galera?!??!?

      Reply
  9. Charles Henrique

    Curto muito a fruta banana (fui bem especifico porque sei como soa estranho esse tipo de comentário) mas não conheço a banana tão profundamente como o Sommelier de Bananas Anselmo Mendo. Não curti muito essa breja, achei meio adocicada e tanto o aroma quanto o sabor ficaram bem artificiais, mas como vocês disseram vale para tentar evangelizar uma pessoa.
    Parabéns pelo episódio e só lembrando que a Saison de amora está pronta e esperando por um próximo churras para que vocês possam experimentá-la.
    Abraços

    Reply
    1. Renato Martins

      Cara… acho que a Saison de Amora não precisa esperar o próximo churras… a gente poderia fazer um especial artesanal hein!??!?!?! Já que os caras cagaram nossa gravação do Ipa Day mesmo!!! hehehe

      Abração Charlota.

      Reply
  10. Ricardo Shimoishi

    Fala, Flávio!

    Acho que a Banana Bread é uma cerva boa de beber. Mas acho que não é um estilo que agrada a nós (exceto o Gustavo, é claro).
    E é gostoso falar da infância e de videogame.
    Tô louco por um PS4. Mas tem que esperar ficar um pouco mais barato…

    Abração!!

    Reply
      1. Renato Martins

        Hahaha a pergunta padrão é: “É de comer?!?!?!?”

        Olha… andei pesquisando uns PS4 mas o custo x beneficio pra mim ainda esta longe de valer a pena…kkk

        Reply
  11. Luquita da Galera

    Fala pessoal, que programa nostálgico heim!

    Falar da época em que o Anselmo jogava bola com o Tutankamon é foda!

    Bom pelo que eu sei essa cerveja não é uma Fruit Beer, mas ta em algum estilo English Ale com Banana.

    Sobre a Ishiban, a importada que tomei era do Canada mas se não me engano produzida nos EUA. Eu comprei ela na liberdade mesmo, conforme vocês citaram, e recomendo que comprem a nacional e importada para tomarem lado a lado para perceber bem as diferenças.

    Abraços

    Reply
    1. Fabrizio Guzzon

      Ishiban? Vc esta comprando cerveja pirateada…. hehehehehehe (desculpa, não resisti… rsrs)

      Reply
  12. Flavio Yokooji

    Fala aí pessoal, blz?
    Um fator positivo é que a cerveja cumpre o que promete. Acho muito ruim as cervejas que dizem que têm pimenta, mas não se sente o ardor… que tem chocolate mas a gente não sente o gosto ou as que têm outro tipo de ingrediente não convencional e este não é perceptível. Como comentado no programa, essa cervejaria tem uns rótulos intrigantes que valem a pena serem experimentados. Gostei da Wells Banana Bread, mas não ficará na porta da geladeira.
    Uma prova que a breja não animou tanto vocês é que vocês falaram mais de games do que cerveja! Rs

    Reply
    1. Renato Martins

      Fala ai Flavio! Eu ja havia provado e realmente cumpre o que promete… o bom é que até supera as expectativas. Mas realmente não tem nada demais.

      Sobre falar mais de games, é porque o Gustavo manja mais de games do que cerveja…. e como ele escolheu a cerveja….. já viu né?! hahah

      Abração!

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*