Cerveja Palta Red Planet Ale – Beercast #58

By | 18 de junho de 2014
Cerveja Palta Red Planet Ale – Beercast #58

Cerveja Palta Red Planet Ale – Beercast #58

Neste episódio nós pisamos em outro planeta para provar a Cerveja Palta Red Planet Ale e aproveitamos para conversar com os pais desta criança, Vinicius Sampaio e Felipe Lima da Cervejaria Palta.

Tem um pouco do que é fazer a sua própria cerveja e encarar esse mundão de empreender, pagar impostos altos e tentar viver de cerveja.

Confira se é possível harmonizar esta cerveja com carne de marciano.

Cerveja Palta Red Planet Ale

Cervejaria: Palta
Estilo: Irish Red Ale
Álcool (%): 5,4% ABV
Temperatura: 5 a 7°C
Copo Ideal: Tulipa
Preço Varejo: R$17,00 (500 ml)

botao-comprar-cerveja

Links comentados durante o episódio:

Confira a nota dos Beerquesteiros para a Cerveja do episódio:

  • Vinicius Sampaio (4,5 de 5)
  • Felipe Lima (4 de 5)
  • Anselmo Mendo (3 de 5)
  • Renato Martins (5 de 5) 
  • Ricardo Shimoishi (4,5 de 5) 

Links comentados BeerNews e leitura de emails:

BeerGifts

Download

Trilha Sonora

  • Green Day – The Simpsons Theme
  • Aerosmith – Dream On
  • Dio – Holy Diver
  • Dire Straits – Money For Nothing
  • Greenday – Basketcase
  • Lynyrd Skynyrd – Sweet Home Alabama
  • Ozzy Osborne – Mr. Crowley
  • Pearl Jam – Rearviewmirror
  • Supertramp – Breakfast In America
  • The Network – Hammer of the Gods
  • Van Halen – Jump
  • Whitesnake – Love Ain’t No Stranger

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (47:17 de duração) Avalie abaixo quantas tampinhas esta cerveja merece.

20 thoughts on “Cerveja Palta Red Planet Ale – Beercast #58

  1. Paulo Víctor Medeiros da Fonsêca

    Parabéns pelo programa, estou entrando no mundo “Beba menos e beba melhor” agora e gosto muito de weiss. Mas, com certeza, essa red será apreciada. Ouvir como é possível começar a distribuir sua cerveja num período transitório é encorajador e estimulante.

    Daqui há uns dois anos, quando eu tiver a minha cerveja, mando para vocês e faremos um programa sobre ela. =D

    Parabéns novamente pela qualidade técnica e nível de entretenimento do programa, vocês fuderam meu final de semana, conheci esse final de semana e já escutei 28 (do final para trás).

    Beba menos e beba melhor!

    P.S.: Não quero beijo de macho não.

    Reply
    1. Renato Martins

      Ae Paulo!!! Desculpe por acabar com seu final de semana…espero que tenha aproveitado pelo menos…hehehe

      Obrigado pela audiência e por ter escrito pra gente.

      Abs!

      Reply
  2. Luquita da Galera

    Fala pessoal,

    Eu acho muito legal entrevistas que trazem os pais da criança rs, são inspiradoras!

    Essa cerveja estou ensaiando a um bom tempo pra tomar, ela tinha mais chamado a atenção pelo rótulo e agora com certeza fiquei curioso em tomar-la!

    Desde o começo achei que o rótulo remetia a Marte Ataca e pelo visto não ta longe disso!

    O legal desse programa que praticamente todos os lugares citados tem Troll Hidromel a venda hahahaha!

    Abraços

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Ae, Luquita!

      Vc viu a média de notas da Galera pra Red Planet Ale? Perto de 5 tampinhas.
      Acho que isso dá uma ideia da qualidade do líquido da Palta. Os “Pais da Criança” capricharam no carinho e o resultado foi excelente.
      Eu não conheço muito de Hidromel. mas fiquei curioso prá experimentar.

      Abração!!

      Reply
  3. Fabrizio Guzzon

    Salve galera!
    Fiquei muito interessado em provar esta breja, acho o estilo Red Ale com poucos representantes nacionais. E neste caso com o uso de um lúpulo diferenciado deve ser uma experiência bem particular.
    E aproveitando para falar de rotulos, estamos com uma leva de rotulos bem maneiros nas nacionais, o lançamento da Oivia IPAlito pela Suméria trouxe um rótulo muito bem bolado, os rotulos da Hoffen tambem são muito legais e isso sem falar dos rotulos da Urbna que são sempre feitos com ótimas sacadas.
    Abraços!
    Guzzon

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Valeu Guzzon!

      Essa é uma breja que vale a pena. Além de ser de um estilo pouco difundido no Brasil, os caras acertaram a mão.
      Quanto aos rótulos é um show, né?
      É bacana poder apreciar a variedade, a inventividade e o bom gosto da moçada.

      Abração!

      Reply
  4. Marcus Santos

    Essa breja é de outro planeta por vários motivos.
    1. Nasceu e foi lançada no maior festival de cerveja do Brasil.
    2. Feita por gente que se dá bem, que são mais que amigos, são primos.
    3. O rótulo ficou fodasso! Uma caveira astronauta levando brejas para os primos marcianos.
    5. Cerveja combina dulçor do malte caramelo com um lúpulo bem raro, o Sorachi Ale.
    4. É uma cerveja com alta drinkability, que facilita a introdução da cerveja artesanal nos moradores do “Planeta Vermelho”.
    5. Harmoniza com carne vermelha. Isto pode ser muito útil para o caso algum marciano goste demais da Red Planet e queira vir aqui roubar as nossas. =]

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Marcus!
      Boa! Pensou bastante sobre a Palta, heim?!
      Mas prá concorrer, vc precisa publicar esse seu comment no post próprio para isso. Vai na nossa home e lá vc encontrará o post do concurso.

      Abração!

      Reply
  5. Flavio Yokooji

    Ótimo programa. Turma da PALTA muito bacana. Ainda não experimentei essa (raridade, né?), mas pretendo ir ao Cateto para apreciar. Volto para dar meu depoimento… Kkk

    Reply
  6. Luís Loureiro

    A primeira coisa que me saltou os olhos foi a arte do rótulo, e que arte foda! E vocês ainda falaram que é metalizado, deve ser muito mais bonita ao vivo!
    Red Ale é um dos meus estilos preferidos de cerveja(qual não é né? hehehe) e ouvindo vocês falando sobre ela e vendo as notas tenho que comprar uma garrafa dessas pra experimentar! Ou ganhar outra promoção né! Quem sabe?! hehehee
    E, nem acredito que vou falar isso, mas em 8 anos de relacionamento com minha noiva, ela me deu um kit de cerveja de dia dos namorados!(solta cânticos de aleluia!)
    Abraço pra todos, como sempre, mais um ótimo programa!

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Foda, né, Luís?
      Acabei de publicar uma foto no Insta/Twitter/ Face do garrafa e do líquido precioso (e bonito).
      Já que é um dos seus 120 estilos favoritos 🙂 vc não pode deixar de experimentar essa!
      Vale muito a pena.

      E o concurso tá rolando. Acho q ainda não vi o seu comment!

      abraçao!!

      Reply
  7. Vinicius Rodrigues

    Outro episódio excelente, trazendo um tópico que certeza que muita gente que acompanha aqui tem interesse que é ter a própria cervejaria.

    Achei bem legal a parada de ir até a cervejaria e por a mão na massa (ou no malte). Achei que nestes casos só passavam a receita e a cervejaria que fazia tudo.

    Não conhecia a Palta mas os comentários a respeito do rótulo me surpreenderam e com certeza vou procurar. Cerveja com bom drinkability, que consegue agradar iniciantes e experts… Tem algo de muito mágico aí.

    É isso galera, grande abraço e sigam com o ótimo trabalho.

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Ae, Vini!

      É uma cerveja boa pra caramba. E, como vc disse, agradará iniciantes e avançados. E isso é bem legal porque mostra que uma cerveja pode ser democrática. Ainda que não seja desse mundo… hahaha….

      Abraços!

      Reply
  8. Charles

    Curti muito esse episódio. A ideia de terceirizar a produção pra quem não possui um maquinário de grande porte é uma boa. Parabéns mais uma vez. Cada dia mais foda esse podcast.

    Reply
  9. Daniel Córdova

    Muito bom!

    Fiquei mais empolgado com a descrição do post do que com a cerveja em si.

    Estou doido pra ver o que os convidados tem a falar sobre como é tentar viver de cerveja no país, pois eu também tenho esse sonho.

    Grande abraço!

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Valeu Daniel.

      Taí uma coisa difícil. É bacana, é um sonho de muita gente.
      Mas a luta não é pequena não. Prá viver de cerveja é preciso persistir, é preciso enfrentar adversidades, altos impostos, pouco incentivo. É preciso querer MUITO.
      Mas deve ser legal, né?
      🙂

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*