Cerveja Faxe Premium – Beercast #135

By | 9 de dezembro de 2015
Cerveja Faxe Premium – Beercast #135

Cerveja Faxe Premium – Beercast #135

Para o episódio de hoje, Gustavo Passi trouxe a latona da cerveja Faxe Premium diretamente da terra dos Vikings.

Confira como foi esse bate-papo.

Cerveja Faxe Premium

Cervejaria: Faxe Bryggeri
Estilo: Premium American Lager
Álcool (%): 5% ABV
Temperatura: 0-4 °C
Copo Ideal: Lager

botao-comprar-cerveja

Confira a nota dos Beerquesteiros para a Cerveja do episódio:

Links comentados durante o episódio:

BeerGifts

Download

Trilha Sonora

  • Fever Ray – If i had a heart
  • Fever Ray – When i grow up
  • Fever Ray – Dry and dusty
  • Fever Ray – Seven
  • Fever Ray – Triangle walks
  • Fever Ray – Concrete walls
  • Fever Ray – Now’s the only time i know
  • Fever Ray – I’m not done
  • Fever Ray – Keep the streets empty for me
  • Fever Ray – Coconut

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (37:56 de duração)
Avalie abaixo quantas tampinhas esta cerveja merece.

22 thoughts on “Cerveja Faxe Premium – Beercast #135

  1. Daniel Córdova

    Fala pessoal!

    Tomei essa cerveja em garrafa de 350 mL. Na real mesmo só comprei pela tampinha, igual o Luquita comentou em fazer. Dei 3 tampinhas pra ela.

    Apesar disso acho o copo deles sensacional, queria arranjar um pra coleção.

    Muito legal o programa e a pauta foi pro espaço quando começaram a falar de churrascaria… acho que tinha alguém com fome hein hahaha

    Abraço!

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Fala Daniel!

      hahahaha… Como o Gustavo diz: “Gordo é fod#!”
      Saímos animal da pauta…
      O duro é vc ir embora no papo e depois não conseguir voltar… kkkkk

      E vc tomou essa em garrafa?! Acho que eu nunca vi essa cerveja em garrafa. Existe no Brasil?

      Abração!

      Reply
      1. Daniel Córdova

        Sim, comprei uns tempos atrás na WBeer se não me engano. Mas depois não lembro mais de ter visto também.

        Reply
  2. Rodrigo Lopes

    Eu tinha uma coleção de latinhas quando era pequeno também e tenho uma lata dessa mais ou menos de 1993, então provavelmente ela é importada para cá a muito tempo também, e tenho em 3 formatos de 500ml e de 330ml.

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Ae, Rodrigo!

      Aí sim! Esse é um colecionador de verdade! Tem latinhas desde 1993 (quando alguns de nossos ouvintes nem tinham nascido) e as latinhas em 3 formatos?!
      Parabéns!

      E um forte abraço!

      Reply
  3. Daniel Ideriba

    Olá pessoal! Excelente capitulo.

    Queria relatar um garrafada que não tem nada a ver com cerveja maas… acho legal comentar. Gustavo comenta que Botafogo foi fundado em 1901 e o Renato diz que foi em 1910 por causa do hino hahaha… mas na real foi em 1904. Segue o link (https://en.wikipedia.org/wiki/Botafogo_de_Futebol_e_Regatas).
    Sobre a faxe somente tomei duas: A Premiun e a Witbier. Gosto da Wit…. na real é uma cerveja justa. Aliás sempre que acho essa cerveja eu compro com o copo. Deve ser uma sina. hahahaha…

    Cheers and hail to the vikings!

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Faaaala, Daniel!

      hahaha… Pior que eu acho q em parte eu tinha razão, então. se o clube foi fundado em 1904 e fala que é campeão desde 1910, então realmente o Lamartine Babo estava cantando o primeiro título e não a data de fundação ao criar o hino.
      Putz! Então vc tem uma coleção de chifres em forma de taça?! kkkkkk
      A gente se vê no evento! Muito Obrigado por nos prestigiar!

      Abração!

      Reply
  4. Fabrizio Guzzon

    Salve galera!
    Eu já provei a Faxe Strong (10%)…. ela é melhor do que uma standard lager mas não é uma breja que você bate palmas.. a Strong tem o malte bastante presente, pouco malte e o álcool muito presente, chegando a arranhar a garganta.

    A Faxe faz bem o seu papel de cerveja de entrada, com bom custo beneficio e aparecendo como uma opção em relação aos rotulos mais dia a dia que temos.

    A Blue Moon tem uma situação muito complicada no Brasil…. ela não foi feita para ser uma cerveja TOP, ela foi feita para ser uma opção diferente as demais mainstreans, tanto que nos EUA vc bebe uma Blue Moon por um preço muito acessível… aqui ela tem um preço proporcionalmente muito mais caro… ao meu ver não vale a pena.

    E sobre o evento… podem me esperar por lá. Só não recebi meu convite ainda… vou imprimir a página do site para garantir minha entrada…. rsrsrsrsrs

    Abç
    Guzzon

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Boa Guzzon!
      Só não entendi a parte q vc comentou q “a Strong tem o malte bastante presente, pouco malte…” hum?! hahaha… Seria pouco lúpulo?
      Mas é verdade, parece que a strong tem mais álcool do que 10%. Tem cervejas que escondem o álcool. Outras (como essa) fazem questão de mostrar que estão ali.
      Acho que se houvesse um fluxo mais contínuo e em maior quantidade daria pra fazer a Blue Moon mais barata. Melhor ainda se desse pra fazer por aqui mesmo. seria uma ótima alternativa às mainstreams!

      A gente se vê no sábado. Se não receber o convite xinga o Renato. Mas por qq problema manda chamar um de nós.

      Forte Abraço!

      Reply
      1. Fabrizio Guzzon

        Putz… heehe… é malte bastante presente e pouco amargor…. hehe… escrevi errado mesmo…

        Reply
  5. Dimitry

    Podiam lançar uma camiseta: “Não está na temperatura ideal”

    Não gosto das FAXE. Acho que 1L é MUITA cerveja para arriscar a beber. Eu recomendo pra quem está querendo sair do mainstream cervejeiro, mas logo já falo pra parar com essa também e começar a procurar cervejas mais elaboradas.

    Abcs

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Boa Dimitry!

      É isso mesmo. Mas eu bebo na boa. Eu costumo dizer que cerveja boa é aquela que te deixa feliz.
      Uma Skol na praia, uma Brahma com os amigos, why not?!

      Cerveja boa pra moçada que quer começar a tomar algo diferente. Recomende outras tb. Mas não brigue com quem gosta dessa.

      Abs!

      Reply
  6. Luquita da Cerveja

    Fala pessoal, bom programa mas a cerveja é uma bosta rs.

    Na boa não gosto de nenhuma Faxe, todas tem o mesmo gosto ruim no final do gole e nem a Wit escapa. Ela sem dúvida é um bom custo x benefício em relação ao tamanho mas o sabor…

    Acho que por causa daquelas leis tributárias cureis dos países escandinavos, onde as cervejas são taxadas pela qtde de álcool e pagam muito caro acima de X porcento, ela no país de origem deve ser mais suave e quando vão exportar metem meio litro de álcool puro para engrossar o caldo.

    Convenhamos que é uma “Skol” da vida na Dinamarca (ou seja la de onde ela vem) mas aqui acaba entrando como cerveja “especial” por ser importada e por ser uma latona.

    As lata de fato são bonitas e chamam atenção, já teve uma outra edição especial que foi de uma pintura muito foda, com um barco Viking.

    Alias a música de abertura foi show, parabéns ao Gustavo.

    A Faxe tem sim garrafas de 355ml mas são mais difíceis de se achar e não sei ao certo se é a mesma da lata, vou comprar (só pela tampinha) qualquer dia desses.

    Nem a Wit dessa cervejaria se salva, é o mesmo gosto estranho e por incrível que pareça também não faz espuma nenhuma… desta vez não foi culpa de vocês.

    Sobre a Bluemoon, ela é uma boa Wit mas simplesmente não vale o que custa aqui no Brasil. Pagar 1 dolar é OK mas mais de R$20 sendo que temos Hoegaarden e Vedett no mercado… aliás tem outras ainda melhores que essas duas e custam menos que a Bluemoon.

    Enfim, vocês precisam levar algum dia uma cerveja “comum” mas que seja fodona para desmistificar essa historia de lager x pilsen!

    Abraços a todos

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Fala Luquita.

      Realmente essa não é uma cerveja “especial”. Mas não acho que seja tão ruim quanto vc acha.
      E acho que devem existir cervejas como essa no mercado. Porque mesmo não tendo sabores muito diferenciados, o cara que está começando tem que experimentar coisas diferentes da Skol, Brahma, etc. Porque beber da Latona vai ajudar ele psicologicamente a dar o próximo passo.
      Tb achamos q a Blue Moon é cara demais no Brasil. Mas nos EUA vale a pena.

      Abração!

      Reply
      1. Luquita da Cerveja

        Rica sem dúvida ela é uma quebra de conceito e algo fácil de se despertar a curiosidade de outras pessoas, ela tem o mesmo efeito do copo de Weiss mas no futuro o cara tem que aprender que ela é ruim rs…

        Reply
          1. Luquita da Cerveja

            Ah detalhe, o Gustavo mostrou o copo “regular” da Faxe para vocês mas ela tem sim um canecão mas o mais legal (talvez a única coisa boa dela) é o copo chamado Pilshorn, que é um chifre, ao molde da La Corne só que com uma base própria.

          2. Ricardo Shimoishi

            Legal, Lucas.
            Mas acho que a taça que o Gustavo mostrou foi essa mesmo. Com formato de chifre. Mais tarde eu posto uma foto pra conferir. Aí vc comenta.

            Abs!

          3. Luquita

            Eu vi a foto é o mesmo então, é que como não falaram que era em formato de chifre achei que era o outro.

    2. Carlos Amorim (Cervas no Ceará)

      Compartilho de algumas das impressões do nobre colega Luquita a respeito desta breja. Para mim ela é igual a uma Panicat (tomara que isso não soe muito machista, heheheh): O exterior é impressionante, mas o conteúdo não é nada de mais. O único ponto em que a Faxe Premium alcança uma ligeira superioridade sobre as cervejas de massa é no quesito aroma, pois dá para sentir o dulçor maltado assim que a lata é aberta, mas fora isso, bem maaaaaaaaaaaaaaaais ou menos.

      PS: Esta cerveja não é nada de mais, mas rendeu um dos nossos melhores episódios. Quem for Viking e tiver lúpulo no sangue vai querer assistir (ou não, hehehhe).

      https://www.youtube.com/watch?v=0l50RcKo1E4

      Reply
      1. Ricardo Shimoishi

        Fala Carlos!

        hahahaha…
        Não posso falar nada de Panicat. Porque eu só conheço a “lata”…
        Bom eu acho que além de ter mais aroma, é uma cerveja com mais sabor (maltado) que as cervejas mainstream que tomamos aqui.
        Não é especial, mas no meu entender é melhor que a maioria das cervejas de massa.

        Abraço!

        Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*