Cerveja Eisenbahn Strong Golden Ale – Beercast #174

By | 7 de setembro de 2016
Cerveja Eisenbahn Strong Golden Ale – Beercast #174

Cerveja Eisenbahn Strong Golden Ale – Beercast #174

Para o episódio de hoje, Rica Shimoishi trouxe a cerveja Eisenbahn Strong Golden Ale para a mesa do Beercast.

Confira como foi esse bate-papo.

Cerveja Eisenbahn Strong Golden Ale

Cervejaria: Kirin Brasil
Estilo: Belgian Golden Strong Ale
Álcool (%): 8.5% ABV
Temperatura: 4-8°C
Copo Ideal: Taça Trapista ou Globet

Confira a nota dos Beerquesteiros para a Cerveja do episódio:

Comentados durante o episódio:

BeerGifts

Download

Trilha Sonora

  • Caetano Veloso – Alegria, Alegria
  • Chico Buarque – A Banda
  • Chico Buarque – Construção
  • Chico Buarque – Roda viva
  • Edu Lobo – Ponteio
  • Edu Lobo & Maria Bethania – Upa, Neguinho
  • Geraldo Vandré – Berimbau
  • Geraldo Vandré – Pra não dizer que não falei das flores
  • Gilberto Gil – Domingo no Parque
  • Jair Rodrigues – Disparada
  • Jair Rodrigues – Vaqueiro De Profissão

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (44:20 de duração)
Avalie abaixo quantas tampinhas esta cerveja merece.

21 thoughts on “Cerveja Eisenbahn Strong Golden Ale – Beercast #174

  1. Afonso bsb

    Muito bom o podcast.
    Gosto muito das cervejas da eisenbahn, mas não curti muita essa golden, não lembro bem o motivo, faz um tempo que não bebo rs. Uma que eu gostaria que voltasse a fabrica de novo é a “frosty bison – american ipa”

    Sobre a wals, qual versões que colocaram conservantes? comprei recentemente a quadrupel com a novo rotulo não tem diferença nos ingredientes no rotulo, mas ainda não experimentei.

    Acho eu esta na hora de fazer um novo desenho das camisetas do beercast, já comprei 2 pela cerveja store a muito tempo atras . sugestão de tema: brahma de agudos rs.

    é por ultimo acho muito chato essa voz do google rs

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Fala Afonso,

      Frost Bison realmente era boa. Mas era uma cerveja de concurso, né? Dificilmente voltará a ser fabricada.
      Nem todas as cervejas deles têm conservantes. Se no rótulo não tinha nada de estranho, a gente acredita que não tenha mesmo (pelo menos a gente espera q seja assim).
      A gente tem várias ideias de camisetas mas essa da “Brahma de Agudos” pode ser legal sim! hehe…
      Abração.

      Reply
  2. Dio Lacerda

    Cervejaria: Schincariol?
    Estilo: Belgian Golden Strong Ale
    Álcool (%): 8.5% ABV
    Temperatura: 8-12 °C
    Copo Ideal: Tulipa ou Cálice

    Reply
      1. Dio Lacerda

        Falando de Eisenbahn, com a compra pela Kirin, como fica o concurso cervejeiro organizado por ela? Ainda há a possibilidade de uma cerveja caseira ser produzida pela cervejaria na gestão da kirin?

        Reply
  3. Renato Schiavinato Lopez

    Salve senhores Beercasteiros, tudo bem?

    Mais uma vez, meus parabéns pelo episódio, “supimpa” como sempre. (rs)

    Geralmente, concordo que é besteira ficar levando muito ao pé da letra o BJCP pra avaliar boas cervejas, como é o caso desta deliciosa Eisenbahn Strong Golden Ale, um dos melhores custo x benefício que temos hj. O guia deve ser levado a sério por quem deseja ter uma breja julgada por um juri que o siga. No mais, é apenas mais um assunto bacana de conhecer e falar a respeito, mas que deve ser levado com muita moderação.

    No entanto, neste caso em específico, a confusão entre o nome da breja e o nome do estilo me incomoda bastante.

    A Eisenbahn é Strong Golden Ale e o estilo do BJCP é Belgian Golden Strong Ale, como vcs bem citaram.

    Parte do meu incomodo se dá pelo fato de achar (minha modesta opinião) que a Eisenbahn destoa bem das brejas referências do estilo, como Duvel, Pirrat, Tremens e até Gordelícia. Discordando de vcs, acho q a Eisenbahn não se enquadra muito no 25C começando pela cor, mais vermelha do que o normal, mas principalmente por não ter o lúpulo nem no aroma, nem no sabor e por apresentar um final mais adocicado do que amargo.

    Até ai, nenhum problema… Breja boa de se beber não precisa respeitar receita, estilo, rótulo ou qquer outra coisa… A Eisenbahn está dentro ou fora do estilo? Quem se importa??? Bora tomar uma e debater a respeito… Assunto polêmico rende bom papo de boteco… (rs)

    Meu incômodo maior é chamarmos as demais brejas pelo nome comercial da Brasil Kirin… A Duvel é uma GOLDEN STRONG ALE, não uma STRONG GOLDEN ALE… Este erro comum (que eu mesmo cometia até bem pouco tempo atras) soa muito estranho, especialmente para quem não conhece a breja brazuca tema do episódio… Pra nós, Strong Golden Ale soa mais comum e “correto” que Golden Strong Ale, o nome real do estilo… Experimenta falar com um gringo que ele vai te corrigir de pronto.

    Se pra vcs faz algum sentido, sugiro tratarem do assunto numa próxima (e cada vez mais rara) leitura de comentários de ouvintes e assumirem uma mega “garrafada” durante o episódio todo, deixando clara a diferença entre o nome comercial da cerveja e o nome do estilo no BJCP e chamando a atenção pra gafe que cometemos corriqueiramente.

    Aproveito pra mandar um beijo pra minha secretária do lar (e esposa nas horas vagas) Fernanda Cristina Burin, que gosta bastante da Eisenbahn Strong Golden Ale e nem tanto assim das Golden Strong Ales.

    Grande abraço,

    Saúde!!!

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Fala Renato.

      Legal. Vc tem toda a razão. O nome do Estilo é mesmo Golden Strong Ale. Fui levado ao erro pelo nome da cerveja. Que marotice, heim?! hahaha…
      A gente gosta da leitura de e-mails, mas está dificil de conciliar a hora de gravar. Por isso procuramos responder a todos que nos escrevem.
      Um dia a gente volta a rotina de fazer leituras de e-mails e garrafadas.
      Obrigado pela correção.

      Abração!

      Reply
  4. Daniel Córdova

    Fala pessoal!
    Achei legal trazerem uma cerveja mais acessível pro programa. Sinto que a Eisenbahn está sofrendo preconceito do pessoal nos últimos tempos. Tenho ouvido muito papo de “piorou a qualidade” “agora que é feita na fábrica da schin ficou ruim”, etc.

    Não sei se procede isso. Tenho comprado sempre a Pilsen deles ou a Heineken, dependendo da que está com preço melhor (alías, por aqui as Heinekein em garrafa de 350 sumiram! Só tem aquelas de 250, latinhas ou 600 ml).

    Há pouco tempo tomei essa Strong Golden Ale, mas achei doce demais! Não consegui terminar a garrafinha, estava muito enjoativa. No entanto concordo que pelo preço é uma boa opção. Mesmo assim, prefiro a weizenbock ou a 5 anos.

    Abraço!

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Fala Daniel!
      É. Eu acho importante mostrar que não necessariamente as cervejas boas tem de ser caras. E a Eisenbahn é a cervejaria brasileira que nos traz a maior gama de opções. É bobagem desprezar suas cervejas. Pelo contrário. Acho que temos que prestigiá-la.
      Eu gosto da Strong Golden. Mas sinto bastante falta da Rauch que faz tempo que não vejo nos mercados.

      Abração!

      Reply
  5. Fabrizio Guzzon

    Fala galera!

    Ótimo programa, e a cerveja já velha conhecida minha…. já comprei caixas e caixas da Strong Gold Ale da Eisenbahn, acho uma ótima cerveja mas como vocês comentaram é uma cerveja que não foi feita para beber de “quilometragem”.

    E queria comentar mais alguns pontos do episódio

    A Kirin company teve prejuízo é várias unidades, mas a conta acabou caindo na Brasil Kirin por conta da questão econômica do pais, e desta forma dá uma tranquilizada no mercado, afinal o problema deixa de ser a empresa e passa a ser uma cenário econômico que pode mudar.

    A Eisenbahn Dunkel, apesar de levar este nome, é uma Schwarzbier. Foi uma das primeiras cervejas da Eisenbahn e só descobrir que o estilo era outro quando foram entender o motivo de nunca terem ganho uma competição com ela

    A Weihnachts Ale é uma cerveja alemã, e weihnachts significa natal em alemão.

    A Eisenbahn 5 é uma Vienna Lager sim, como vocês comentaram inicialmente.

    A Pilsen, quando eu ainda estava trabalhando lá, tinha sido definido que deveria estar presente em todos os locais onde a Heineken estivesse e com o preço igual, e os outros estilos com o preço um pouco superior. Este posicionamento é justamente para aumentar o acesso a cerveja e facilitar a entrada de novos consumidores de cervejas especiais.

    O bar em Blumenau que vocês comentaram é o The Basement, é um ótimo bar, estilo pub no porão de um prédio do centro de Blumenau. Tem a apresentação de bandas e boas opções de pratos e petiscos sempre com a opção de harmonização.

    E para mim, a melhor cerveja da Eisenbahn é a Weizenbock…. acho fantástica…

    Abç
    Guzzon

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Boooa Guzzon!

      Sempre contribuindo para melhorar as informações do episódio. Essa história da Dunkel é bem legal mesmo!!
      hahaha…
      Mas eu não sabia que a Weihnachts. Achei que era estilo belga mesmo.

      A gente se vê no sábado!
      Forte Abraço!

      Reply
    2. Daniel Córdova

      Guzzon, em Blumenau tem o The Basement mesmo, mas na fábrica da Eisenbahn também tem um bar, onde dá pra ver os tanques de fermentação e tals, é bem legal.
      Concordo que a weizenbock é a melhor dessa linha “tradicional” deles.

      Reply
      1. Fabrizio Guzzon

        Fala Daniel!
        A fábrica tem um bar mesmo… quando fui visitar eles estavam reformando esta parte e não pude aproveitar a visão que o bar tem, mas vale muito a pena.

        Abç
        Guzzon

        Reply
  6. Roberto Montemor

    Não notaram uma mudança nessa cerveja?
    As últimas que peguei estou achando muito doces, pelo que me lembro ela não era assim há um ano ou mais.
    De qualquer modo é uma boa breja, pelo valor. Minha preferida deles é a Rauch.

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Poder ser sim Roberto.

      Tb não lembro de sentir esse dulçor tão presente há anos atrás.
      Mas achei que meu paladar que era mais amador mesmo (não que não seja verdade)…hahaha.

      Rauch é muito boa. Mas faz tempo que eu não acho, heim?!

      Abração!

      Reply
  7. Luquita da Cerveja

    Fala pessoal, bom programa.

    Acho que essa foi uma das minhas primeiras cervejas favoritas de quando tomei, sempre tinha que comprar uma dela, não importasse o que mais estava levando… principalmente por causa do teor alcoólico rs.

    Porém faz tempo que não tomo ela mas atualmente não costumo deixar passar a Eisenbahn 5 quando com um bom preço.

    O foda do Pão de Assalto é que eles realmente cometem um assalto nestas promoções, elevando o preço das Eisenbahns para uns R$7 e pouco.

    Enfim, é isso! Abraços

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Aê Luquita!

      Realmente bem legal a cerveja! Eu continuo tendo sempre em casa.

      Talvez as promoções do PdA não sejam 100% honestas. Mas, de qualquer jeito, as cervejas ficam mais baratas.
      Na última vez que fizeram, por exemplo, comprei a Punk, que atingiu valores exorbitantes e eu tinha deixado de comprar. Se não fosse os descontos, continuaria com suas notas cítricas deliciosas somente na memória. E memória, vc sabe, ela nunca é perfeita…

      Abração!

      Reply
  8. Flávio Yokooji

    Blz pessoal? Semana passada estive no Clube do Samuel (Sam’s Club) e comprei umas Eisenbahns por lá. Quando tomei, pensei “preciso tomar mais essas cervejas, pois é o melhor custo X benefício que temos”. Gosto muito da Eisenbahn 5 que também tem um preço ótimo. Tenho ficado enjoado com cervejas belgas, mas é uma fase. Às vezes fico em uma pegada mais inglesa, americana, volto para as belgas, surpreendo-me novamente com a elegância das alemãs… por aí o ciclo se repete.

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Fala, Flávio!

      Né? Eisenbahn é um alento num mercado tão encarecido como o Mercado Cervejeiro…
      Pena que o que a gente acha mais são as pilsens e as pale ales. As demais como a Nº5, a Rauch e a Golden Ale são mais difíceis de achar.
      Tb tenho esses períodos cíclicos… haha… Mas quando vc fica muito tempo sem beber uma belga (por exemplo) é bem legal: Parece que acende uma memória parcialmente esquecida dos aromas e sabores.. E é uma sensação bem prazerosa.

      Abração!

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*