Cerveja Colorado Ithaca Oak Aged – Beercast #38

By | 29 de janeiro de 2014

Download deste episódio em “.zip” clique aqui.

Cerveja Colorado Ithaca Oak Aged

Cerveja Colorado Ithaca Oak Aged

Nesse episódio vamos tomar uma cerveja com a Rainha! Aproveitamos o presente enviado pela Colorado para provar a tão renomada Ithaca, mas não é a Ithaca tradicional, é a Ithaca Oak Aged, uma Ithaca com notas de carvalho e whisky. Ganhadora da medalha de platina no Mondial de La Biere, vamos ver o que essa cerveja tem de tão especial.

Descubra nesse episódio como ganhar um ingresso para o evento A Pint With The Queen!  Participe da promoção e saiba como ganhar um dos ingressos que o Beercast vai sortear.

Nosso muito obrigado para a Colorado pelas cervejas e pelos presentes que serão dados aos nossos ouvintes!

Cerveja Colorado Ithaca Oak Aged

Cervejaria: Cervejaria Colorado
Estilo: Russian Imperial Stout
Álcool (%): 10,5% ABV
Temperatura: 8 a 12 ºC
Copo Ideal: Snifter
Preço Varejo: R$45,00 ~ R$55,00

Avaliação da Cerveja Colorado Ithaca (não é a Oak Aged)
(Crie seu perfil e avalie também esta cerveja no Brejas.)

História da Cervejaria Colorado

Fundada em 1995, a Cervejaria Colorado não tem medo de ser brasileira e mistura o malte e lúpulo rigorosamente selecionados, com ingredientes como café, rapadura, mandioca, mel e castanha do Pará.

Junto com tudo isso, é misturado ousadia, originalidade, colaboração e a água do aquífero Guarany, uma das maiores e mais puras reservas de água doce do mundo.

Renovando constantemente a antiga tradição cervejeira da cidade de Ribeirão Preto, nossa fábrica conta com modernos equipamentos americanos, canadenses e brasileiros.

Tudo isso, faz dos rótulos da Cervejaria Colorado premiados no mundo inteiro. E a receita desse é sucesso é não ter receita pronta. É acreditar nos sabores e na identidade brasileira para produzir cervejas interessantes, emocionantes e deliciosas como o Brasil.

Links comentados durante o episódio:

Confira a nota dos Beerquesteiros para as Cerveja Colorado Ithaca Oak Aged:

Anselmo Mendo (4,5 de 5)
tampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_amassada

Gustavo Passi (5 de 5)
tampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_ok

Renato Martins (5 de 5)
tampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_ok

Rica Japa (5 de 5)
tampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_oktampinha_ok

Trilha Sonora

  • Amy Winehouse – Valerie
  • Animals – The house of the rising sun
  • Led Zeppelin – Black dog
  • Pink Floyd – Another Brick in the Wall
  • Slot – 2 WARZ
  • The Beatles – Love Me Do
  • The Kinks – Top Of The Pops
  • The Pretty Things – Cries From The Midnight Circus
  • The Rolling Stones – Anybody Seen My Baby

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Concurso Cultural “A PINT WITH THE QUEEN – SUA CERVEJA BEM NA FOTO”:
Envie sua foto em nosso post do facebook “POSTE AQUI SUA FOTO DO CONCURSO CULTURAL “A PINT WITH THE QUEEN – SUA CERVEJA BEM NA FOTO”” e participe dessa promoção, não perca a chance de ganhar um ingresso para o evento A Pint With The Queen! Participe desse evento junto com o Beercast Brasil.

Acesso nosso facebook e veja mais detalhes de como participar: www.facebook.com/beercastbrasil

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (38:47 de duração)

28 thoughts on “Cerveja Colorado Ithaca Oak Aged – Beercast #38

  1. Katsumi

    A descrição da Ithaca deu água na boca, vou convencer alguns amigos a dividirem comigo!
    E perdi o Encontro Da Confraria Skynerd na Brewdog, que triste!!! 🙁

    Reply
  2. Guzzon

    Salve estimados bebedores!!
    Depois de 30 dias de férias e mais de 30 rótulos de cervejas estou de volta. Tirei o dia hoje para ouvir todos os beercasts anteriores e vocês estão de parabéns pelo conteúdo de todos!
    A inclusão da harmonização das cervejas nos episódios ficou muito legal! No caso da Krieg ainda tem a dica de harmonizar com chocolate branco, fica MUITO bom.

    Os dois casts de Russian Imperial Stouts ficaram ótimos! A Petroleum eu já bebi algumas vezes acho muito boa, já a Ithaca não bebi e vocês me deixaram com água na boca… E sobre a harmonização, se a Ithaca for doce e alcoólica aconselho trufas de chocolate ao leite, o conjunto traz a sensação de estourar um bombom de licor na boca.

    Agora que estou de volta a ativa como ouvinte regular do cast, então nesta quarta estarei aguardando o programa para comentar …

    Reply
  3. Flávio Yokooji

    Fiquei com água na boca! Quero essa cerveja! Rs. Tomei um susto na hora que falaram meu nome nesse episódio! kkk. Vou ao “A Pint with the Queen”. Espero encontrá-los lá.

    Reply
  4. Luquita da Galera

    Fala pessoal,

    Caraca que cerveja sensacional ao cubo envelhecido!

    Já tive o prazer de uma degustação horizontal no EAP da Ithaca com a Guanabara, a primeira mais envelhecida e a segunda nova.

    Pelo que eu sei há uma pequena diferença na receita entre uma e outra, mas a cerveja envelhecida (não só neste estilo) tende sempre a uma Barley Wine. Vide exceções das cervejas de fermentação espontânea que acabam ficando azedas e adocicando num revesamento de período.

    A Guanabara é vendida nos quiosques do Mr. Beer e é mais fácil de abrir que a Ithaca rs. Alias o modo romântico é com uma vela para derreter a cera ou então com um bom abridor encaixar e abrir normalmente.

    Com a vela tem que se tomar cuidado na inclinação para que o liquido não encoste na tampa, como eu já fiz com a Medieval, caso contrário a cerveja começa a jorrar pra fora!

    Bom, espero conseguir esse ingresso do PWTQ!

    Abraços

    Reply
  5. Jimmy

    Realmente sem padrões de comparação para uma Russian Imperial Ale brasileira a Ithaca é uma bicuda no bolso deixando a desejar e muito para uma RIA com este preço.

    Não reclamaria de pagar R$45 em uma se fosse uma RIA Colorado Ithaca no Brasil digna para o estilo, mas fica a dica pra quem quer beber uma, pede na gringa os nórdicos deste continente até na NOSSA cerveja tem desconto: Colorado Ithaca USA

    Pois é, a Ithaca fora deste nosso país se chama Guanabara, afinal a Ithaca Beer já existe há um bom tempo…
    Ithaca Beer

    Reply
    1. Anselmo Mendo

      Jimmy, desculpe, mas você é de fora do Brasil? Cara, não entendi muito bem os dois primeiros parágrafos. Você quis dizer que a Colorado saí mais barato fora? Não entendi se você gostou ou não da breja.

      Reply
  6. Alexandre Gorgulho

    Fala pessoal!
    Inveja pouca é bobagem…
    Esse é um estilo que aprendi a gostar bastante a partir da Wäls Petroleum e vocês aparentemente gostaram bem mais da Colorado…

    Comparando os 2 casts, vi que 0 Rica subiu a nota de 3,5 na Petroleum pra 5 na Ithaca e me deixou MUITO puto de nunca ter tomado essa… kkkk

    Uma observação legal! Vocês estão aumentando o tempo do programa aos poucos ou é impressão minha? Pessoalmente (e acho que não estou sozinho), seria bem-vindo um cast de 40 a 50 minutos, hein?! Bota o Renato pra trabalhar, pô! Editar podcast é meleza… rs

    Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      Haha… Fala Alexandre!
      A Petroleum é uma ótima cerveja. Mas digamos que eu não consegui apreciá-la o suficiente. É medalha de Platina no Mondial de La Bière e tudo e certamente ela tem mais a oferecer do que consegui captar. Mas a Ithaca realmente me deixou confuso com a “explosão de sabores” e de sensações. Talvez existam Russian Imperial Stouts melhores. E talvez, CERVEJAS melhores. Mas dentro do meu -limitado – conhecimento de buteco foi a melhor cerveja q já experimentei. A grande diferença q senti entre ambas foi o dulçor. Aquele líquido licoroso ganhou outra dimensão com o adocicado da rapadura queimada (hahaha… Tô escrevendo e ficando com a boca cheia d’água!).
      O tempo do programa é porque a gente tem coisa pra caramba prá falar mesmo! Quando começamos o nosso horizonte eram 15 minutos. Hoje é de 30 minutos. Mas, como vc percebeu bem, tá difícil manter o tempo. Ainda bem que tem quem goste!
      Super Abraço!

      Reply
      1. Luquita da Galera

        Cara sobre ter outras melhores… vocês perderam de tomar a Evil Twin Even More Jesus, porra aquela de longe foi a melhor RIS que já tomei e deixou a Ithaca que degustei no chinelo.

        Reply
  7. Iuri Hennig

    O “chupa ouvintes” tocou fundo meu coração hahahaha.
    Invejei fortemente o fato de vocês experimentarem essa cerveja.
    Preciso comprar algumas Russian Imperial Stouts, mas é muito complicado encontrar algo diferente de Petroleum por aqui.
    Abraço galera, parabéns pelo episódio e pelo prestígio no meio cervejeiro, afinal, não é qualquer um que recebe um presente desses!

    Reply
      1. Iuri Hennig

        Opaaa, gostei da idéia hein.
        Se rolar um sorteio nos mantenham informados. Os ouvintes, assim como eu, devem estar de olho em uma dessas garrafas!

        Reply
    1. Ricardo Shimoishi

      O Anselmo é o Azaghal do Beercast.
      hahaha…
      Iuri, obrigado pelo convite pra participar da comunidade de cerveja do Whatsapp. O foda é acompanhar o alucinado ritmo dos cervejeiros! rsrsrs…
      A Ithaca pode não chegar aí. Mas POA (e todo o Rio Grande do Sul) está de parabéns pelas excepcionais cervejas e cervejarias disponíveis. Em número bem maior do que em Sampa, por exemplo. Será q tem alguma cervejaria fazendo essas Russians Imperial Stouts?!
      Seria legal, né?!
      Obrigado pelo elogio. O Rafa Moschetta ter nos prestigiado nos envaideceu tb!
      Abração!!

      Reply
      1. Iuri Hennig

        Grande Rica! Nosso grupo do Whatsapp também tem versão Facebook. Eu não consigo acompanhar o dia todo, mas a galera posta muita coisa interessante. O problema é quando chega a noite e começam as fotos de cerveja… Água na boca. Alguns blogs já estão mencionando nosso grupo e por lá faço propagando do Beercast hehehe.
        Vou fazer as compras do mês e procurarei algumas escuras mais agressivas hehehe.
        Forte abraço!

        Reply
    2. Anselmo Mendo

      Iuri, esse pessoal aí está me caluniando. Quem falou o tal do “chupa” foi o mal educado do Gustavo. Eu só mandei um singelo “toma essa ouvinte” no melhor dos sentidos. Mas terei prazer em compartilhar um copo de Ithaca com você!

      Reply
  8. David Redmerski Jr

    para abrir há quem use uma vela, acende a vela e derreta a cera no gargalo, após isso é abrir. 😉
    A cervejaria Backer de MG, tem uma cerveja assim também, Medieval é o nome da breja, bem legal de tomar também, mas outro estilo, não tem como comparar com a Ithaca, somente na apresentação mesmo. Estou aqui me roendo de inveja

    Reply
    1. Gú - Beercast Brasil

      David,

      Foi um parto abrir essa cerveja, os 4 trapalhões sujaram todo o estúdio para abrir, sendo que o Anselmo sugeriu derreter a vela e nós “Não! Você ta louco, vai esquentar a cerveja.”

      A Backer faz tempo que esta em pauta para degustarmos, tenho boas dicas dela.

      Um forte abraço.

      Cheers!

      Reply
  9. Luís Loureiro

    Cervejas da Colorado sempre valem a pena! Principalmente pelo seu custo/benefício! Tenho q correr agora atrás dessa cerveja! Será que um dia acho por aqui, ou vou ter q comprar em algum site? Os mercados aqui se Niterói só me deixam na mão, tendo que recorrer a maioria das vezes para os empórios que cobram o dobro do valor da cerveja!
    Ps.: Queria muito estar pelas redondezas de São Paulo pra ir nos eventos!

    Reply
    1. Rafaela Ivo

      Cara, até na Submarino vende a Colorado! Eu prefiro mil vezes comprar pela internet, abriu umas barraquinhas fodas nos shoppings de Porto Alegre, mas eles vendem muito caro as cervejas! A Duvel que eu compro de 14 no supermercado vende de 18 ou 19 lá. Então, quando posso, acabo comprando mesmo pela internet, vale bem mais a pena!

      Reply
      1. Luís Loureiro

        A Colorado eu acho nos supermercados por aqui também, só essa Ithaca que nunca vi e nem a Vixnu, digo em relação as outras cervejas que as vezes nem são tão difíceis assim de achar, mas que por aqui não aparecem! Aqui tem uma padaria que importam muitas cervejas, só que ela cobra muito caro, a Duvel como você falou, que encontro no mercado por 14, nela custa 25! Difícil a vida de nós, apreciadores de cerveja, assim!

        Reply
        1. Luquita da Galera

          Shopping sempre tem o fator taxa shopping, eles cobram absurdamente mais caro por isso e é revoltante!

          A Vixnu é complicado de achar pq ela é transportada pela cadeia refrigerada, isto é, sai fresquinha da fabrica e chega fresquinha no local. Não pode ser armazenada em local sem resfriamento, por isso que normalmente só bar/restaurante que as tem pois pra manter a rotatividade alta e o estoque baixo.

          Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*