Bruno Wolf – Beercast #234

Por | 15 de novembro de 2017
Bruno Wolf – Beercast #234

Bruno Wolf – Beercast #234

Para o episódio de hoje, Bruno Wolf  do BBQ Brasil 2016 conta todos os detalhes de participar de um reality show churrasqueiro.

Confira como foi esse bate-papo.

Confira a nota dos Beerquesteiros para a Cerveja do episódio:

Links Comentados durante o episódio:

BeerGifts

Download

Trilha Sonora

  • Morbid Angel – Where the Slime Live
  • Morbid Angel – Rapture
  • Morbid Angel – Pain Divine
  • Morbid Angel – World Of Shit (The Promised Land)
  • Morbid Angel – Vengeance Is Mine
  • Morbid Angel – The Lion’s Den
  • Morbid Angel – Blood On My Hands
  • Morbid Angel – Angel Of Disease
  • Morbid Angel – Sworn To The Black
  • Morbid Angel – Nar Mattaru
  • Morbid Angel – God Of Emptiness

Acompanhe e entre em contato com o Beercast:

Clique no play no inicio da página e escute nosso episódio. (51:00 de duração)
Avalie abaixo quantas tampinhas esta cerveja merece.

5 comentários para “Bruno Wolf – Beercast #234

  1. Luis Henrique Camargo

    Realmente ótimo episódio com o Bruno Wolf.
    Parabéns!
    Apenas gostaria de discordar de um ponto da conversa. Ele disse que fora o eixo PR, SP, MG, RJ, o conhecimento sobre a cerveja artesanal ainda é fraca.
    Bom, nem vou gastar tempo falando de SC e RS, onde a cena cervejeira está muito forte, na capital e interior.
    Se focarmos o Centro-Oeste, em minha ultima visita à Cuiabá e região admirei a cena cervejeira, inclusive em cidades como Rondonópolis, interior do MT, com uma comunidade cervejeira bem atuante, com eventos bem produzidos.
    Se formos para o Norte, o Paraense há muito está acostumado a tomar as ótimas Amazon Beer. Há muitos bares de cervejas especiais distribuídos em Belém.
    Até Parauapebas, que difícil até pronunciar o nome, têm até um Brew Pub, e bares com boas cervejas.
    Em todos os lugares que vou trabalhar, em vários cantos do Brasil, quando digo que faço cerveja, sempre puxa ótimos papos e inclusive sempre alguém que tbem seja cervejeiro caseiro. Do Piauí ao Chuí
    Estamos no caminho certo

    Responder
  2. Daniel Córdova

    Fala, pessoal

    Esqueci de comentar o episódio semana passada, mas achei muito legal o bate papo.

    Abraço!

    Responder
  3. Fabrizio Guzzon

    Salve Galera!

    Muito bacana o programa! É bem legal ouvir alguém que trabalha com churrasco desta forma, e que passou por um programa.
    E conseguimos fazer uma paralelo com os realitys de cerveja que estão surgindo para entendermos que são diferentes dos concursos regulares que vemos por ai, eles são um misto de boas cervejas e pessoas que se vendem ao publico.

    Pena que vai ter uma galera da capital ainda achando que churrasco é aquele monte de espetinho na brasa…. rsrsrs

    Abç
    Guzzon

    Responder
    1. Ricardo Shimoishi

      Tb gostei de saber como os programas funcionam.
      O que mais me surpreendeu foi o tempo que os caras precisam pra gravar: Imagina 3 dias pra gravar um único episódio. É um show mesmo. Com todo o cuidado para que assim seja.
      E churrasco é tudo de bom! Tem tantas maneiras de fazer churrasco de carne que realmente merecia um programa.

      Abração!!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*