Boa Cerveja-Feira #303… Charlie Dont Surf

By | 20 de dezembro de 2019

Esta semana vamos sentar na areia e aproveitar o sol, mas não vamos colocar nossa prancha na água, pois Charlie Dont Surf.

Esta cerveja é produzida pela cervejaria Spartacus de Juiz de Fora, Minas Gerais. A cervejaria tem no portfólio uma quantidade considerável de cervejas “High Gravity”. Ou seja, cervejas de corpo alto ou, tecnicamente falando, com OG acima de 1080.

Uma curiosidade sobre o nome desta cerveja, Charlie Dont Surf, não é uma referência única. Talvez a mais icônica seja a fala do personagem Tenente Kilgore, interpretado por Robert Duvall, no filme Apocalipse Now. Mas além disso também é uma música da banda inglesa The Clash e uma fase do jogo FPS Call of Duty 4: Modern Warfare.


Charlie Dont Surf

Charlie Dont SurfDados Técnicos:

Cerveja: Charlie Dont Surf
Estilo: Sour Ale
Teor: 7,0 %
País de origem: Brasil
Embalagem: On tap
Nota: 4,0


Ao servirmos encontramos uma cerveja dourada e cristalina, com espuma branca, densa e com boa formação, porem com uma duração muito baixa.

No aroma o frescor das notas de frutas é espantoso. Encontramos pêssego, manga, abacaxi, ameixa amarela e maracujá, em segundo plano notas láticas e leve presença de malte.

Ao provarmos a Charlie Dont Surf temos uma cerveja de corpo baixo e média carbonatação. Enquanto que no paladar encontramos a acidez em patamar mediando e notas de frutas amarelas como pêssego, manga, maracujá e ameixa amarela. Em segundo plano leve dulçor de malte e baunilha.

Já no aftertaste temos um dulçor leve aliado a acidez lática, trazendo notas de pêssego em calda, mel e baunilha, mas sem persistência. Resta ao final do paladar, uma acidez suave e com delicada, pautada pela notas frutadas e de baunilha.

A Charlie Dont Surf é uma sour que abusa do uso das frutas, e talvez este seja um dos motivos causados da baixa retenção de espumas, mas faz isso garantindo um equilíbrio elegante entre as notas frutadas e ácidas.


Para a harmonização optaremos por guiar nossa decisão pelas notas frescas de fruta que a Charlie Dont Surf nos apresenta.

Minha sugestão é harmonizarmos com salada de fruta quente com sorvete de creme. Iremos trabalhar com harmonização em semelhança tanto pelas notas de frutas quanto pelas notas de baunilha.

Prost!

Fabrizio Guzzon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.