Boa Cerveja-Feira #241…. Haar Cinnamon Wood

By | 12 de outubro de 2018

Nesta segunda semana de outubro, vamos envelhecer e adjuntar(?) a cerveja da semana passada e conhecer a Haar Cinnamon Wood.

Esta weizenbock faz parte da linha experimental da Bier Nards. Neste caso a cervejaria se aproveitou da receita da Weizenbock original deles, que falamos semana passada, e optaram por fazer uma releitura.

Esta releitura envolveu a inclusão de canela na receita e a maturação em barris de carvalho e maple. Isso resultou na inclusão de novas percepções em uma receita clássica.

Esta iniciativa coloca a Bier Nards equiparada as outras cervejarias que apresentam cervejas envelhecidas em seu portfólio. Entretanto, a cervejaria faz isso após consolidar no mercado os rótulos que apresentamos na semana passada, estilos clássicos, fazendo o caminho esperado de começar no clássico para depois inovar sobre ele.

Haar Cinnamon Wood

Haar Cinnamon WoodDados Técnicos:

Cerveja: Haar Cinnamon Wood
Estilo: Weizenbock
Teor: 7,3%
País de origem: Brasil
Embalagem: 355 ml
Nota: 4,00

Cerveja castanha com nuances avermelhados, translúcida e brilhante. A espuma bege clara se forma fina, baixa e breve.

O aroma trás notas equilibradas de banana passa, condimento, canela e baunilha. Em segundo plano encontramos leve dulçor de malte, notas amadeiradas discretas e final com percepção licorosa.

Ao provarmos a Haar Cinnamon Wood temos uma cerveja de corpo médio alto e carbonatação médio baixa. Enquanto que no paladar encontramos as notas de banana da versão original suavizadas pela percepção condimentada da canela e pelo toque de madeira e baunilha. Esta combinação trás um perfil complexo e maduro para cerveja e apresentando uma releitura inspirada da receita original.

O aftertaste se apresenta seco e com notas ainda mais destacadas de madeira e suave frutado.

A Haar Cinnamon Wood é uma cerveja complexa e que apresenta como a alteração em técnicas de maturação e o uso de adjuntos podem criar um perfil completamente novo para uma cerveja.

Para a harmonização vou sugerir um prato com base na semana passada. Mas assim como a cerveja, com alguma alteração.

Minha sugestão são bananas assadas na brasa com canela e melaço. Todo o conjunto busca a harmonização por semelhança, com o toque levemente tostado e defumado da banana realçando a madeira da cerveja e a canela e o melaço realçando as notas condimentadas e de malte da cerveja.

Prost!

Fabrizio Guzzon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*