Cerviajando – Turismo Cervejeiro em Chicago

Por | 16 de março de 2014

Muito tem se falado na cena cervejeira americana com suas cervejas exageradamente lupuladas, envelhecidas em barris ou com uma mistura maluca de ingredientes! Tudo isso iniciou na década de 70 com uma busca por novos sabores para a bebida que mais veneramos na face da terra e foi ganhando maturidade ao longo tempo, consolidando os EUA como uma grande potência mundial da cerveja artesanal, ou craft beer, como eles a chamam por lá!

Aqui no Brasil, quando o assunto é cerveja americana, só se fala em IPA, lúpulos e Califórnia… mas estamos esquecendo uma cidade com verdadeiras joias do cenário americano! Isso mesmo, Chicago, a terceira maior cidade dos Estados Unidos e seus arredores têm aumentado bastante a sua participação na fabricação de cervejas.

A cidade de Chicago situa-se no extremo norte dos Estados Unidos, às margens do lago Michigan e tem um clima severo no inverno e ventos frios, por isso é apelidada de The Windy City, ou Cidade dos Ventos em português. É uma cidade é um polo econômico e bastante procurado para a realização de convenções e eventos profissionais, mas não é um destino muito procurado para o turismo.

Chicago possui a maior quantidade de área destinada a parques dos Estados Unidos, foi o berço dos arranha-céus, tem a maior comunidade polonesa e sueca (fora de seus países), é a casa dos Bulls (basketball), Cubs e White Sox (baseball) e dos Bears (futebol americano) e tem muita coisa interessante quando o assunto é cerveja! Faça de Chicago uma parada obrigatória do turismo cervejeiro nos Estados Unidos.

Turismo Cervejeiro em Chicago

Turismo Cervejeiro em Chicago

Neste post não serei exaustivo, então listei aqui 5 cervejarias de Chicago e arredores que merecem destaque:

Goose Island Beer Company

Cervejaria Goose Island Beer Company

1 – Goose Island Beer Company
A Goose Island é a cervejaria mais conhecida de Chicago e foi adquirida pela gigante AB-InBev em 2011. É lá que são produzidas as magníficas Bourbon County Stout que são do estilo Imperial Stout, envelhecidas em barris de Bourbon e a cada ano produz lotes especiais com modificações na receita. Ela possui 2 brewpubs na cidade (que não fizeram parte da aquisição da AB-InBev) onde é possível experimentar suas cervejas. A torcida para que a AB-InBev traga as joias desta cervejaria para o Brasil é bem grande!

 

Half Acre Beer Company

Cervejaria Half Acre Beer Company

2 – Half Acre Beer Company

Criada em 2006, iniciou a produção alugando o espaço de outra cervejaria em Wisconsin e depois de pronta a cerveja era levada para distribuição em Chicago. Depois de algum tempo decidiu abrir a sua fábrica no coração de Chicago e foi a primeira a enlatar cervejas artesanais nas redondezas. Criou alguns rótulos em colaboração com grandes cervejarias como Mikkeller, New Belgium, 3 Floyds e De Struise. Sua campeã de vendas é a Daisy Cutter, uma American Pale Ale (APA).

 

Revolution Brewing

Cervejaria Revolution Brewing

3 – Revolution Brewing

A Revolution foi criada em 2010 e nasceu das mãos de Josh Deth, um ex-funcionário e colaborador da Goose Island que nutria o sonho de abrir uma cervejaria desde 2003 e em 2012 abriu um brewpub em Chicago. Apesar de nova, esta cervejaria vem ganhando destaque com sua Anti-Hero IPA e sua masterpiece Bean Gene, uma Imperial Porter envelhecida em barris de Bourbon com grãos de café durante 8 meses.

 

Pipeworks Brewing

Cervejaria Pipeworks Brewing

4 – Pipeworks Brewing

Criada em 2012 vem crescendo de maneira meteórica, ganhando muito respeito e conquistando altas notas no RateBeer. Sua estratégia foi criar cervejas únicas que são fabricadas apenas uma vez e com isso conquistou verdadeiros fãs que zeram os lotes “sempre especiais” de maneira bem rápida. Dentre as suas principais crias, destacam-se a Ninja vs. Unicorn, uma Imperial IPA com um rótulo incrível e a Citra Ninja, mais uma Imperial IPA.

 

Three Floyds Brewing

Cervejaria Three Floyds Brewing

5 – Three Floyds Brewing

Ok, eu sei que essa cervejaria não é de Chicago, mas fica na divisa entre Illinois e Indiana e a apenas a 50km do centro do coração de Chicago! Apesar de ficar em Indiana, a cervejaria é membro do Illinois Craft Brewer’s Guild e serve a região de Chicago! Trata-se de uma das cervejarias mais respeitadas dos Estados Unidos e do Mundo, e com toda a certeza faz parte da elite da Cerveja Artesanal para muitos fãs! Se tiver a oportunidade procure pela Alpha King, uma American Pale Ale e a Zombie Dust, do mesmo estilo.

 

Além de todas as cervejarias citadas, existe uma cervejaria caseira nos arredores de Chicago, bastante peculiar e com a produção de um único rótulo! Trata-se da Mamma Mia! Pizza Beer, que segundo consta possui um aroma e gosto de uma Pizza Margherita, trazendo lembranças de orégano, tomate e alho! Curioso não? Será que harmoniza com uma pizza?

Pizza Beer

Mamma Mia! Pizza Beer

Além das cervejarias, Chicago se destaca no cenário cervejeiro, pois abriga o Siebel Institute of Technology, especializado para o mercado cervejeiro e oferece treinamentos como para formação de sommeliers (em parceria com a Doemens Academy), mestre em estilos, análises sensoriais, tecnologias cervejeiras, etc.

Obviamente, os treinamentos são em inglês, então porque não arriscar um intercâmbio em Chicago para aperfeiçoar o inglês e continuar com os cursos no Siebel para aperfeiçoar também os conhecimentos cervejeiros? Uma boa né?

E você que já conhece Chicago ou já tomou alguma cerveja de lá? Conte pra gente como foi a sua viagem ou experiência cervejeira!!!

8 comentários para “Cerviajando – Turismo Cervejeiro em Chicago

  1. Andrea Cavalcante

    Excelente texto, irei em Chicago no mês que vem, e espero visitar algumas dessas cervejarias. Ótimas dicas

    Responder
  2. CLAUDIO PACHECO

    Excelente post! Muito objetivo e bem escrito. Com certeza visitarei algumas dessas e, se der, quero ir na Founders que fica em Grand Rapids, a 260km de Chicago.

    Responder
  3. Luquita da Galera

    E ai Sr. Mateus,

    Belo texto, direto ao ponto, curti que ficou num estilo como vimos no seriado Brew Dogs e foi algo que me agradou bastante!

    Mah vem cá… ninguém te instruiu não a se apresentar? Hahahaha… aquela mini biografia ali do final não conta no primeiro post!

    Responder
  4. Guzzon

    Ótimas dicas Matheus.
    Tomei a Goose quando visitei os Estados Unidos (mas não Chigaco) e é uma ótima cerveja. As demais cervejarias ainda não tive o prazer de provar, mas já tinha ouvido falar muito bem delas.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*