Boa Cerveja-Feira…. com Old Ship

Por | 5 de dezembro de 2014

Esta semana iremos falar de mais uma cerveja que tem nome de importada, mas que é um produto das cervejarias nacionais, a Old Ship.

Esta cerveja é produzida pela Dortmund, uma cervejaria relativamente nova que foi fundada em 2011 mas mesmo com este pouco tempo de operação já apresenta ótimos rótulos.

Segundo a cervejaria sua criação foi motivada pela necessidade de oferecer um produto de qualidade aos consumidores que procuram cervejas artesanais com um diferencial, pensando no inicio desta década temos de fato tanto o crescimento do publico consumidor quanto das cervejarias nacionais surgindo para atender este público.

Sobre a Old Ship é interessante salientar que a Dortmund produziu a esta cerveja como a primeira single hop nacional usando o lúpulo Summit que foi inserido em três fases do processo, fechando no dry hopping da cerveja. E me metendo nos assuntos do Anselmo, o rótulo é um trabalho do designer e ilustrador Ciro Bicudo que representa a Old Ship com uma caravela da época dos descobrimentos.

Old Ship

2014.12.05 Old ShipDados Técnicos:

Cerveja: Old Ship
Estilo: American Pale Ale
Teor: 4,9 %
País de origem: Brasil
Embalagem: 300 ml

Temos nesta cerveja um líquido amarelo intenso, levemente turvo com uma boa estabilidade de espuma, apesar de algumas bolhas grandes surgirem.

O aroma é marcante pelo cítrico e frutado, que trás notas de maracujá e capim cidreira enquanto que as notas de malte surgem de maneira mais discreta em segundo plano.

Ao provarmos encontramos um líquido de corpo leve e boa carbonatação, e no paladar vemos que o malte ganha mais espaço ficando equilibrado com as notas cítricas e o frutado que remete a maracujá que são acompanhados por um amargor mediano.

No retrogosto vemos o amargor se intensificar juntamente com as notas de maracujá e laranja seguindo de maneira refrescante até o final seco da cerveja.

Esta é uma cerveja refrescante com um amargor crescente e notas cítricas e frutadas que pautam toda a degustação e que apresenta um final seco e levemente frutado.

Para harmonizar esta cerveja vamos usar aquilo que ela apresenta de mais intenso, seus aromas e refrescancia, portanto sugiro um escondidinho de carne seca com pimenta biquinho.

A idéia desta harmonização é contrastar o salgado da carne seca com a notas cítricas e de malte da Old Ship e usamos a pimenta biquinho, que é muito mais aromática do que ardida, para fazer um vinculo com as notas frutadas e aproveitamos a refrescancia da cerveja para limpar o paladar da gordura carne.

Prost!

Fabrizio Guzzon

3 comentários para “Boa Cerveja-Feira…. com Old Ship

  1. Daniel Córdova

    Fala Guzzon!
    Cara, sério, o ponto alto da tua coluna é a harmonização. Sou fã!! Um dia quero aprender a projetar os pratos e combinações igual você faz.
    Chega a dar fome e sede ler os últimos parágrafos hehehe
    Abraço

    Responder
    1. Fabrizio Guzzon Autor

      Valeu Daniel!
      Eu também tenho uma predileção por harmonizar as cervejas, não é sempre que consigo mas é sempre legal quando começo a fazer um jantar e vejo que tem uma cerveja que combina na geladeira, ou quando tenho tudo que preciso para fazer algo para combinar com uma cerveja.
      Mas apesar de algumas vezes eu usar pratos mais elaborados, tem muita harmonização, principalmente com queijos, que são simples e muito boas… e convenhamos que cerveja com uma porção de queijo é uma tremenda pedida.
      Abç
      Guzzon

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*