Boa Cerveja-Feira…. com Fumacê

By | 29 de maio de 2015

Aproveitando a ultima semana do mês vamos colocar a lenha para queimar, ver a fumaça subir e provar uma cerveja de trigo defumada, a Fumacê.

Lançada no final de ano passado pela Burgman, a Fumacê é uma cerveja que usa como base uma receita polonesa com uso de malte de trigo defumada. Seu objetivo era ser uma opção para as ceias de natal e ano novo, porem, isso não nos impede que prová-la fora desta época.

Já a Burgman é uma cervejaria relativamente nova, fundada em 2010 na cidade de Sorocaba iniciou com uma linha bastante conservadora, mas hoje com as panelas sob a tutela do mestre cervejeiro Alexandre Sigolo apresenta rótulos como Cosmonauta, IPA HOP, Working Class e até mesmo a Fumacê que vamos falar serem lançados, mostrando que a cervejaria mantém seus rótulos clássicos sem abrir mão das inovações

Fumacê

2015.05.29 FumacêDados Técnicos:

Cerveja: Fumacê
Estilo: Smoke Beer
Teor: 5,7%
País de origem: Brasil
Embalagem: 600 ml

A Fumacê apresenta um líquido castanho acobreado, translúcido com espuma branca de bolhas pequenas e boa persistência.

No aroma o inicial é pautado pelas notas defumadas que remetem a ramón ou copa defumada, seguido de um leve frutado com notas de banana e especiarias como cravo.

Ao bebermos encontramos uma cerveja leve e com alta carbonatação, enquanto que no paladar as notas de malte e defumado são equilibradas, seguidas de notas frutadas mais discretas.

No aftertaste o defumado e uma leve adstringência são o destaque, seguindo das notas de malte leves e persistentes.

Encontramos na Fumacê uma cerveja leve, com notas de defumado equilibradas e muito bem inseridas e sem perder as características refrescantes de uma weiss.

Para harmonizar vamos buscar um prato que traga notas defumadas que reforcem esta qualidade da cerveja.

Minha sugestão é costela de porco ao barbecue no forno a lenha. Apesar de ser um prato de preparo simples, o principal fator é a paciência.

2015.05.29 Fumacê passo 1

 

Para o preparo usamos somente a ripa da costela suína, o pedaço que tem o osso, e temperamos com sal, alho, cebola, tempero de limão, pimenta preta, pimenta chilli e pimenta cayenne.

 
 

2015.05.29 Fumacê passo 2
Depois cobrimos a peça com molho barbecue, que pode ser o caseiro ou o industrializado. O mais importante é garantir que a costela inteira seja coberta.

 
 

2015.05.29 Fumacê passo 3
Fechamos a costela no papel alumínio e levamos ao forno a lenha por cerca de três horas, e é aqui que entra a paciência… Se tirar antes da hora a carne não estará soltando do osso como queremos.

 

 

Depois de finalizado, as notas defumadas que estarão impregnadas na carne serão destacadas pela cerveja, e a pimenta do molho irá reforçar as notas de condimento da cerveja ao mesmo tempo em que serão controladas pela rescência da cerveja.

2015.05.29 Fumacê Harmoniza

Prost!

Fabrizio Guzzon

8 thoughts on “Boa Cerveja-Feira…. com Fumacê

  1. Luquita da Cerveja

    Grande Guzzon,

    Cara a renovação da Burgman é uma coisa fantástica, só coisa boa está saindo de lá e essa harmonização com um belo passo a passo matou a pau mesmo!

    Reply
    1. Fabrizio Guzzon Post author

      Grande Luquita!
      Sim, eles estão saindo com ótimas cervejas, comprei uma red ale deles esta semana com adição de uma fruta que não lembro o nome.
      Devo provar este feriado para ver como ficou.
      Quem sabe não fazemos uma costela dessa no Villas um fds?

      Abç
      Guzzon

      Reply
  2. Vinicius Rodrigues

    experimentei essa faz um tempo e achei muito boa, mesmo não sendo muito fã de smoked.
    Burgman acertou legal nessa
    E a harmonização Guzzon, foda demais, acho que casa perfeito.

    Abraço

    Reply
    1. Fabrizio Guzzon Post author

      Grande Vini!
      Essa Smoke Weiss tem o defumado mais leve, tanto que para mim nem lembrou bacon, ficou mais leve… algo como ramón ou copa e a refrescancia da weiss ainda esta presente.
      Se você normalmente não gosta de defumadas e gostou dessa, então acho que tivemos a mesma percepção da cerveja.
      E essa harmonização eu já tinha planejado… deixei a cerveja na geladeira mais de um mês até bater um final de semana para fazer a costela.

      Abç
      Guzzon

      Reply
    1. Fabrizio Guzzon Post author

      Valeu Anselmo!
      Vamos ver quando vocês quiserem fazer um programa no La Maison, eu levo uma dessa para o final da gravação.

      Abç
      Guzzon

      Reply
  3. Daniel Córdova

    Caramba, Guzzon!

    Matou a pau com essa harmonização e a forma como foi apresentada. Sou obrigado a tentar fazer essa receita em casa logo.

    Pena que não tenho forno à lenha, mas acho que um pouco de fumaça líquida ou em pó ou até um molho chipotle podem compensar a falta da madeira do forno, não? Apesar que o próprio barbecue já leva um pouco de defumado.

    E se eu encontrar essa cerveja no mercado aqui vou provar. A linha da Burgman tem rótulos muito bonitos. Tomei por enquanto a Cosmonauta somente, mas quando eu diminuir meu estoque em casa vou atrás de outras deles.

    Abraço!

    Reply
    1. Fabrizio Guzzon Post author

      Grande Daniel,
      O molho de chipotle ou barbecue vão trazer a sensação de madeira/fumaça. Eu diria que o principal é o tempo no forno usando papel aluminio para não queimar a carne. Ainda vou fazer uma tentativa usando aqueles sacos culinários de celofane, o papel aluminio acaba deixando parte do molho vazar…

      E as brejas da Burgman tem me agradado bastante, a Fumacê estava muito boa, a Cosmonauta que você comentou tambem achei muito boa… a IPA HOP deles tambem vale a pena conhecer. A linha tradicional que acho bem na média.

      Abç
      Guzzon

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*