Boa Cerveja-Feira #173…. Volga

Por | 23 de junho de 2017

Esta semana vamos colocar nossas cartolas e monóculos e assistir ao Bolshoi apreciando uma Volga.

Esta cerveja é produzida pela Francesa La Debauche, uma cervejaria fundada em 2013 e já é considerada uma das cervejarias mais promissoras da nova geração .

Os fundadores da cervejaria, Églatine Clément e Aurélien Camandone, explicam que o nome La Debauche é um jogo de palavras, apesar de ser conhecida como aquele momento no qual as pessoas saem do trabalho e vão se divertir e tomar uma cerveja, mas também é conhecida como libertinagem, devassidão ou que desafia o que é moral.

Outro ponto muito interessante sobre a cervejaria é que são convidados para criação dos rótulos artistas plásticos, desenhistas de quadrinhos, tatuadores e diversos outros artistas para que todos os rótulos sejam um show a parte. No caso da cerveja Volga o desenho foi baseado no balé russo e a ilustração trás toda a melancolia e classe do Bolshoi.

Volga

Dados Técnicos:

Cerveja: Volga
Estilo: American Pale Ale
Teor: 5,0%
País de origem: França
Embalagem: 330 ml
Nota: 3,75

A Volga se apresenta uma cerveja dourada escura, levemente opaca com espuma de boa formação, abundante e persistente.

Quando vamos partir para o aroma encontramos a percepção cítrica com notas de grapefruit, maracujá e com toque de lúpulo discreto, em segundo plano encontramos a discreta presença de malte e casca de laranja.

Ao provarmos vemos que a Volga apresenta corpo médio e carbonatação médio baixa, enquanto que no paladar temos o malte discreto ao inicio, seguido pelas notas cítricas de casca de lima com amargor bastante presente e resinoso.

No aftertaste temos as notas resinosas crescentes e o amargor cítrico e resinoso ocupa todo o final do paladar.

A Volga se apresenta uma cerveja com aromas suaves e equilibrados, mas com o paladar com amargor e toque resinoso pungente.

Para a harmonização vou aproveitar as notas resinosas que chamam tanto a atenção no paladar.

Minha sugestão é harmonizar esta cerveja com penne ao pesto com nozes e amêndoas, nesta harmonização buscamos ressaltar as notas resinosas da cerveja com os sabores das nozes e amêndoas.

Prost!

Fabrizio Guzzon

4 comentários para “Boa Cerveja-Feira #173…. Volga

  1. Daniel Córdova

    Fala Guzzon!
    Tomei essa cerveja há poucos meses atrás num churrasco que fizemos para acabar com o estoque de WBeer antiga que um amigo tinha hehe
    Boa cerveja. Legal ver países tradicionais no vinho, como França e Itália, fazendo belas cervejas.
    Abraço

    Responder
    1. Fabrizio Guzzon Autor

      Grande Daniel,

      Também acho muito legal ver a produção e o mercado cervejeiro se desenvolvendo nestes países com tradição em vinhos.

      E essa boiada de ter amigo que chama para beber estoque de cerveja é muito boa…. rsrsrs

      Abç
      Guzzon

      Responder
  2. Anselmo Mendo

    Legal Guzzon, tem sempre pouca opção de cerveja francesa por aqui. Esse lance de utilizar artistas na criação dos rótulos é algo que elogio muito. As cervejarias aqui do Brasil não levam isso tão longe como eu gostaria. Não consegui perceber o dourado escuro na foto, parece marronzona. Preciso experimentar essa. Valeu por mais um post, rumo aos 200!

    Responder
    1. Fabrizio Guzzon Autor

      Grande Anselmo

      Essa ideia da La Debauche de chamar artistas é muito legal… pena que é coisa rara por aqui…
      Temos uma ou outra cervejaria que busca uma identidade visual em parceria com artistas …. a maioria acaba caindo no meio comum e partindo para rotulos padrão…. e com algum trocadilho…. rsrsrs

      Abç
      Guzzon

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*