Boa Cerveja-Feira #171…. X-Bacon

Por | 9 de junho de 2017

Esta semana vamos estudar os meandros da simbologia da criação da vida com a X-Bacon.

Esta cerveja é produzida pela Seasons de Porto Alegre, uma cervejaria que se propõe a criar ótimas cervejas, mas sem abrir mão da irreverência. Então é de se esperar homenagens a personagens de vídeo games, telenovelas e afins. Mas algumas coisas são levadas a sério, como a participação da cervejaria na criação da Reinheitskamehamehadooooukentsgebot, a Lei de Zoeira da Seasons.

A X-Bacon é produzida em parceria entre a Seasons e a  Weyermann Specialty Malts, dita a mais antiga maltaria do mundo, localizada na cidade de Bamberg na Alemanha. E para quem não sabe, Bamberg é a cidade natal do estilo Rauchbier.

Para não perder a viagem com esta parceria a Seasons produziu a X-Bacon com 90% de malte defumado, fermento neutro e maturação de quatro meses, o resultado… bem, é só ler abaixo

X-Bacon

Dados Técnicos:

Cerveja: X-Bacon
Estilo: Rauchbier
Teor: 7,5%
País de origem: Brasil
Embalagem: on tap
Nota: 4,75

Quando recebemos o copo vemos que a X-Bacon apresenta um tom castanho escuro, quase negro, opaca e com espuma bege de boa formação e bastante persistente.

O aroma é de um defumado arrebatador, com notas evidentes de bacon, presunto cru e malte.

Ao provarmos vemos que se trata de uma cerveja de corpo alto e boa carbonatação, enquanto que no paladar encontramos uma presença do defumado ainda mais evidente que no olfato, notas de bacon, parma e uma presença de malte bem inserida que chega a remeter a pão de torresmo, em segundo plano uma percepção de fumaça e tosta.

O aftertaste se apresenta levemente amargo, mas com defumado alto, bacon e parma bastante persistente.

A X-Bacon é uma rauchbier exemplar que pode compor facilmente dentre as três melhores rauchbiers nacionais sem dúvida. Com notas defumadas lapidadas de forma exemplar tornando a cerveja fácil de beber, mesmo com o corpo alto.

Não temos com não usar o incrível toque defumado desta cerveja para falarmos da harmonização, mas vamos pelo menos sair do meio comum de usar o bacon e tentar outros acompanhamentos.

Minha sugestão é a harmonização com bruschettas de parma cru usando pão de torresmo como base. E nem precisamos falar que estamos usando e abusando da semelhança dos toques defumados nesta harmonização.

Prost!

Fabrizio Guzzon

4 comentários para “Boa Cerveja-Feira #171…. X-Bacon

  1. Anselmo Mendo

    Óia, 4,75! Guzzon, se é “X” Bacon, cadê o queijo? Outra coisa que notei é que você perdeu a chance de fazer piada fácil com o post #171, tipo com alguma coisa das Mafiosas (nós também perdemos no BC). Gosto das defumadas e acho que temos pouquíssimas opções acionais. Estou muito curioso pra provar a X-BACON. Abração!

    Responder
    1. Fabrizio Guzzon Autor

      Grande Anselmo,

      Eu poderia ter pedido uma porção de queijo holandês que ficaria bem interessante…. rsrs

      Esta X-Bacon da Seasons é exclusiva em barril… deve ter bar com ela engatada em SP…. vale muito a pena provar, achei uma cerveja muito bem finalizada…. uma rauch fácil de beber mesmo sendo alcoólica e tendo uma bock como base.

      Abç
      Guzzon

      Responder
  2. Daniel Córdova

    Fala Guzzon!
    Interessante dessa cerveja é que a base dela é de bock e não de märzen, como é clássico se fazer.
    Espero que um dia tu proves a rauchbier que eu faço aqui em casa e que ela ganhe uma posição nesse ranking aí. A versão atual dela está com 75% de malte defumado.
    Você citou que a X-Bacon cabe na top 3 do Brasil. Além da Bamberg, qual a outra que vc se refere? A da Eisenbahn acho que nem fazem mais, ou não?
    Ah! Dei 4 tampinhas pra ela. Acho que bebi no festival da cerveja do ano passado, pela data do meu check-in.
    Abraço!

    Responder
    1. Fabrizio Guzzon Autor

      Grande Daniel,

      A base de bock é uma opção interessante que eles usaram e só aumenta o caráter maltado e defumado da cerveja.

      A da Eisenbahn acho que saiu mesmo de linha, mas tbm não estava entre as minhas top 3… rsrs…. tem uma da Dama com base em Porter que coloco junto com a da Bamberg e agora com a X-Bacon na lista das três melhores.

      Abç
      Guzzon

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*